Técnico Informatica

Técnico Informática Registro

Vale do Ribeira: Voto consciente

No próximo dia 15 de novembro, os eleitores do Vale do Ribeira votarão em seus candidatos ao Executivo e ao Legislativo de seus respectivos municípios.


Vale do Ribeira: Voto consciente

Na hora do voto, de maneira consciente, antes de apertar a tecla fatal, o cidadão valerribeirense deverá ter a absoluta certeza de que estará votando nos melhores candidatos para o seu município.

 

Sim, deverá ter consciência de estar votando em candidatos que, efetivamente, trabalharão pela comunidade, e não em indivíduos que desejam tão-somente o “emprego” de vereador ou o “trono” de prefeito.

Os municípios do Vale do Ribeira são carentes. Em vários sentidos. Necessitam de muita coisa, é certo.

Por outro lado, governar não é, apenas, sinônimo de grandes obras, ou seja, de obras que “enchem” os olhos do povo.

Muitas vezes, um bom governo se destaca por pequenas obras, triviais, como limpeza pública, reforma de escolas, perenização de estradas, atendimento médico-hospitalar satisfatório etc.

Portanto, lembramos aos candidatos:

Governar é tratar a saúde pública com o respeito que merece o cidadão, dotando-a de condições para atender decentemente seus usuários.

Governar é tratar o turismo como a vocação do Vale do Ribeira, valorizando as suas potencialidades turísticas e as culturas caiçara e quilombola.

Governar é ter um programa social eficiente que atenda o expressivo número de pessoas em situação de rua, colocando-os em centros de recuperação ou recambiando-os às suas cidades de origem.

Governar é dar opções de estudo e trabalho a uma juventude ociosa, perigosamente à mercê do narcotráfico, que estende seus tentáculos por estas bandas.

Governar é asfaltar ruas, sim, mas, também, corrigir o calçamento das vias, tapando buracos ou corrigindo o asfalto.  

Governar é mapear as áreas improdutivas ou devolutas dos municípios e pleitear, junto ao Governo e à iniciativa privada, a implantação de indústrias não-poluentes, ou outras atividades empresariais adequadas, para gerar emprego e renda a um povo carente e sem muitas perspectivas.


A lista poderia continuar por várias edições.


Resumindo, governar, além de ter a ética como norte inabalável, é tratar os municípios do Vale do Ribeira com o carinho e respeito que merecem.

 

ROBERTO FORTES

ROBERTO FORTES, escritor e poeta, é licenciado em Letras e autor do livro de contos “O Tucano de Ouro - Crônicas da Jureia” (2012), além de centenas de crônicas e artigos publicados na imprensa do Vale do Ribeira.  E-mail: robertofortes@uol.com.br

 

(Direitos Reservados. O Autor autoriza a transcrição total ou parcial deste texto com a devida citação dos créditos).

 

Confira todas as crônicas do Alfarrábios

Postar um comentário

0 Comentários