Últimas Notícias

O Gracuí, símbolo da cidade de Registro-SP









Durante muitos anos, essa árvore (também chamada de guaracuí) foi considerada o símbolo da Colônia Japonesa de Registro (SP), como podemos comprovar pela leitura de um livro publicado em 1933 para comemorar os 20 anos da chegada dos primeiros imigrantes japoneses ao Vale do Ribeira.

O Gracuí, símbolo da cidade de Registro-SP
O gracuí, símbolo da cidade de Registro-SP.


Segundo informações de antigos moradores da cidade, o gracuí ficava, aproximadamente, no local onde hoje funcionam as Lojas Cem, na Av. Pref. Jonas Banks Leite, 685. Era uma árvore que chamava a atenção de todos por sua altura e beleza. A rua ainda era de terra e mais parecia com um caminho de roça, cercado por vegetação de ambos os lados.

Há algumas décadas, o gracuí, que também se tornou a árvore-símbolo da cidade de Registro (considerada “Marco da Colonização Japonesa no Brasil” pelo Decreto Estadual nº 50.652, de 30 de março de 2006), “caiu aos golpes do machado bronco", emprestando o verso de Augusto dos Anjos (1884-1914), em seu poema “A árvore da serra”.

Em homenagem ao gracuí (ou guaracuí), o inspirado poeta valerribeirense Lauriano dos Santos publicou, em seu livro "O Gracuí e o Poeta" (2007), este belo soneto:

“O Gracuí”

Árvore secular, marcando a história
dos que aqui viveram a construir
um povo varonil - e cuja glória
consagra as gerações e o porvir.

Foi pena que alguém imprevidente,
ou quiçá, por ignóbil ingenuidade,
querendo o seu espaço, inclemente,
sangrou-te o caule tão sem piedade.

Feriu-te as veias, sim, porque tens vida!
Pondo-te ao chão, trépido e indefeso
a por o fim em marco irreverente.

Como os gigantes tombam sem guarida
ao amargar da sorte o seu desprezo,
deixaste a tua marca tão somente.


ROBERTO FORTES
ROBERTO FORTES, historiador e jornalista, é licenciado em Letras e sócio do Instituto Histórico e Geográfico de São Paulo.  E-mail: robertofortes@uol.com.br


(Direitos Reservados. O Autor autoriza a transcrição total ou parcial deste texto com a devida citação dos créditos).