Itariri e Iguape recebem Circuito Sesc de Artes neste fim de semana Itariri e Iguape recebem Circuito Sesc de Artes neste fim de semana
Siga nosso Canal no Whatsapp

Itariri e Iguape recebem Circuito Sesc de Artes neste fim de semana

Itariri e Iguape recebem Circuito Sesc de Artes neste fim de semana


No sábado (dia 28), as atrações gratuitas acontecem em Itariri; e no domingo (dia 29), em Iguape.

Um dos 12 roteiros do Circuito Sesc de Artes passa por Itariri e Iguape neste final de semana, levando às praças públicas dessas cidades muita arte e cultura a todas as pessoas, de todas as idades. 

Em Itariri, será no sábado (dia 28), na Praça João Franco (mais conhecida como Praça do Coreto), no período das 16h às 20h. 

No domingo (dia 29), será a vez de Iguape receber a programação gratuita, que começa às 15h e segue até as 19h, na Praça da Basílica.

Realizado pelo Sesc São Paulo, em parceria com as prefeituras municipais e sindicatos do comércio, serviços e turismo locais, o Circuito Sesc de Artes é um projeto itinerante que leva atividades artísticas diversas como espetáculos, intervenções, mediações de leitura e oficinas a espaços públicos de centenas de cidades do estado de São Paulo, abrangendo as áreas de música, circo, literatura, tecnologia, dança, entre outras.

Este ano, até o dia 26 de novembro, o projeto percorre 123 cidades, sempre aos sábados e domingos, com 12 roteiros diferentes. 

No Vale do Ribeira, estão circulando os Roteiros 11 e 12, contemplando as cidades de Itariri, Iguape Juquiá, Ilha Comprida, Pedro de Toledo, Barra do Turvo e Eldorado. Em Cajati e Miracatu, as atividades foram realizadas no final de semana passado.


Programação em Itariri e Iguape


Vai ter circo e muita diversão no roteiro deste fim de semana. Com o espetáculo circense Caravana Zona Leste, o grupo Exército Contra Nada traz equilibrismo, acrobacias, contorcionismo, manobras com monociclo, música e muitas risadas com os palhaços, ou seja, todos os ingredientes característicos de um circo. 

Comandados por um mestre de cerimônia, os nove artistas em cena divertem e surpreendem enquanto prestam homenagem à arte mambembe brasileira. 

Fundada em 2011 em Londrina (Paraná), a companhia mudou-se em 2015 para São Paulo, onde permanece até hoje.

As artes cênicas também marcam presença com o espetáculo de dança Tambor de Crioula, do grupo Flor de Aroeira. 

Acompanhados pelo ritmo de percussão, cantos e palmas, os artistas mostram um espetáculo de dança inspirado em uma manifestação popular da cultura maranhense que louva a fertilidade. 

Assim como outras tradições que surgiram na África, passaram pelos povos aquilombados do Maranhão e fundiram-se às artes urbanas de São Paulo, o tambor de crioula representa um fluxo de continuidade.

Na música, a DJ Nicão da BPS convida o público a curtir e dançar com um repertório de artistas e bandas como Beyoncé, Pop Smoke e Migos, além de funk, drill, trap, garage e jersey, entre outras vertentes da música negra.

Psicóloga e filha de Orixá, a DJ de São Vicente já participou de eventos como a Semana Hip Hop de Santos e a Parada LGBTQIA+ de Praia Grande. 

Desde 2018, integra um coletivo de mulheres da Baixada Santista com a finalidade de festejar os corpos pretos.

Na literatura, a atriz e contadora de histórias Monalisa Machado, do Dindinha Faz Poema, apresenta Ninhário: recanto para livros e pássaros. 

A partir de uma metáfora poética que equipara os livros aos pássaros e as crianças às aves sedentas por voar, Monalisa cria um cenário inspirador para realizar mediações de leitura: o ninhário. 

Com tapetes, almofadas e tecidos coloridos pendurados, o espaço possibilita uma relação afetiva do público com a literatura e proporciona “voos” estimulantes por meio da imaginação.

Na área de tecnologia e artes, o público é convidado a participar da oficina Capture a bandeira, do Estúdio Hacker. 

Na atividade, Código Morse, Sistema Hexa e Binário, alfabeto Leet, Braille e Cifra Maçônica são alguns desafios de criptografia propostos aos participantes para ajudá-los a entender sobre segurança e sistemas de comunicação. 

Em grupos ou de forma individual, começam resolvendo problemas fáceis – a complexidade aumenta à medida que avançam.

A oficina Gravura com carimbos artesanais, do Coletivo EMERGIR, comandada por artistas de São Vicente, apresenta o universo da gravura por meio da criação de carimbos artesanais e seu uso para estampar mini ecobags. 

A partir de borrachas escolares e desenhos preparados pela equipe, os participantes usam goivas e ferramentas alternativas para obter as imagens, criando as partes altas e baixas dos carimbos. Em seguida, com tintas para serigrafia e rolinhos de espuma, preparam as gravuras e estampam sacolinhas.


Central de Relacionamento Itinerante


Durante as ações do Circuito Sesc de Artes, será disponibilizada a Central de Relacionamento Itinerante, onde o público prioritário do Sesc – trabalhadores do comércio de bens, serviços e turismo – terá a oportunidade de realizar pela primeira vez, ou renovar, a Credencial Plena, e inserir seus familiares como dependentes. 

A relação de documentos necessários está disponível em: sescsp.org.br/credencialplena.

Sobre o Circuito Sesc de Artes

Realizado pelo Sesc São Paulo desde 2008, o Circuito Sesc de Artes 2023 envolve mais de 400 artistas apresentando mais de 700 atrações gratuitas, que mostram um olhar atento para a diversidade e a representatividade.

Ao concentrar todas as atividades em espaços públicos, como praças e parques, que são pontos de referência em cada município, o projeto do Sesc SP convida a população a desfrutar de uma programação diferente e a vivenciar experiências únicas.

“É na confluência de ruas e sentidos, largos e praças, unindo expressões artísticas e públicos diversos, que ocorre o Circuito Sesc de Artes. 

Com tais iniciativas, que oferecem tanto experimentações socioculturais quanto vivências coletivas, o Sesc reitera sua atuação na difusão de conhecimentos, contribuindo assim para a ampliação de repertórios de seus públicos. 

E ao estimular a convivência com a diversidade de pessoas e ambientes, entendendo-a como elemento central de sociabilização, a instituição espera ainda reforçar as conexões democráticas que sustentam o tecido social”, comenta Danilo Santos de Miranda, diretor do Sesc São Paulo.

Programação completa em www.sescsp.org.br/circuitosescdeartes


Serviço
Circuito Sesc de Artes 2023 – Vale do Ribeira
Até 26 de novembro, sábados e domingos.

28/10, sábado, Itariri (Praça João Franco) | Horário: 16h às 20h.
29/10, domingo, Iguape (Praça da Basílica) Horário: 15h às 19h.
*Em caso de chuva, o evento é transferido para um local coberto.

Próximos roteiros
11/11, sábado, Juquiá (Centro Social e Cultural Profª. Tininha) | Horário: 16h às 20h.
12/11, domingo, Ilha Comprida (Praça do Boqueirão) | Horário: 16h às 20h.
18/11, sábado, Pedro de Toledo (Praça Guarani) | Horário: 16h às 20h.
25/11, sábado, Barra do Turvo (Praça Boa Esperança) | Horário: 16h às 20h.
26/11, domingo, Eldorado (Praça Nossa Senhora da Guia) | Horário: 16h às 20h.

Canais do Sesc Registro-SP
https://www.facebook.com/sescregistro
https://www.instagram.com/sescregistro
https://www.sescsp.org.br/registro
https://www.youtube.com/SescRegistroSP

Itariri e Iguape recebem Circuito Sesc de Artes neste fim de semana
Itariri e Iguape recebem Circuito Sesc de Artes neste fim de semana


Postar um comentário


Seu comentário é sempre bem vindo!

Comente, opine, se expresse! este espaço é seu!

Comentário Anônimo, sem nome e email , não será publicado.

Se quiser fazer contato por email, utilize o Formulário para contato

Espero que tenha gostado do Site e que volte sempre!

Postagem Anterior Próxima Postagem