Técnico Informatica

Técnico Informática Registro

Quem já leu Ulisses ?

 

Nunca consegui ler até o final “Ulisses”, de James Joyce (1882-1941).

 

Quem já leu Ulisses
James Joyce, autor de "Ulisses".

A primeira tradução para o português, bem sisuda, do filólogo Antônio Houaiss (1915-1989), não consegui, a despeito de diversas tentativas, passar das dez primeiras páginas.

 

A segunda tradução, mais amena, da Bernardina da Silveira Pinheiro, consegui a proeza de chegar até perto das cem páginas, até que a minha mente começou a embaralhar: eu lia um parágrafo e esquecia o que tinha lido no parágrafo anterior.

 

A terceira tradução, do Caetano Galindo, mais próxima do coloquialismo de Joyce, até gostei, a leitura foi deslanchando, mas depois apareceram outros livros que me chamaram a atenção, e o livro voltou à estante junto com os outros dois.

 

Confesso que me senti um completo boçal quando li o veredicto do poeta Ezra Pound (1885-1972): “Todos os homens devem se unir para saudar ´Ulisses´: aqueles que não o fizerem, contentem-se com um lugar nas ordens inferiores.”

 

Mas, pelo menos Jorge Luis Borges (1899-1986) me fez sentir “normal” quando pontificou: “Eu, como o resto do Universo, não li ´Ulisses´. Ninguém ignora que, para os leitores desprevenidos, o vasto romance de Joyce é indecifravelmente caótico.”

 

 Bem, não sou digno de estar nas “ordens superiores”, como Pound, mas posso me considerar feliz por estar incluído nas “ordens inferiores, como Borges...

 

 

ROBERTO FORTES

ROBERTO FORTES, escritor e poeta, é licenciado em Letras e autor do livro de contos “O Tucano de Ouro - Crônicas da Jureia” (2012), além de centenas de crônicas e artigos publicados na imprensa do Vale do Ribeira.  E-mail: robertofortes@uol.com.br

 

(Direitos Reservados. O Autor autoriza a transcrição total ou parcial deste texto com a devida citação dos créditos).

 

Confira todas as crônicas do Alfarrábios

 

Postar um comentário

0 Comentários