Doar ou vender - O que fazer com as roupas do meu filho? Doar ou vender - O que fazer com as roupas do meu filho?
Siga nosso Canal no Whatsapp

Doar ou vender - O que fazer com as roupas do meu filho?

Doar ou vender - O que fazer com as roupas do meu filho?


Especialista explica como tomar a decisão correta com os itens infantis

Doar ou vender as roupas do meu filho? Com certeza essa é uma dúvida que ocupa a cabeça de muitas mães brasileiras. De um lado temos uma ação beneficente, que ajudará outras pessoas. Do outro, temos uma possibilidade que traz retorno financeiro, que muitas vezes está sendo necessário para aquela família.

Diante disso, como decidir qual é a melhor opção? Para Giovanna Domiciano, fundadora da Arena Baby, franquia de brechó de roupas infantis, a escolha deve considerar os objetivos que aquela mãe tem e sua realidade.

Gerar um gasto, que irá demandar de um investimento financeiro”, explica.“É claro que doar é um ato muito generoso de se fazer, principalmente, porque permite que outras crianças possam ter com o que se vestir, brincar, estudar e tudo mais. Mas para doar alguma coisa, significa que ela não está mais servindo ou sendo utilizada pelo seu filho, ou seja, ele tem outras necessidades que podem

Roupas, brinquedos e artigos escolares, por exemplo, são peças que às vezes são pouco utilizadas, já que as crianças tendem a crescer bastante durante a sua infância, mudar de ano escolar e de desejos também. Logo, muitas dessas coisas continuam em bom estado de conservação.

Se o seu filho ou filha está em fase de “transição”, uma boa opção para economizar é vender o que não está sendo mais utilizado, principalmente carrinhos, bebê conforto, cadeirinhas, que costumam ser mais caros, em locais onde você pode pegar o seu dinheiro na hora ou até mesmo trocar por produtos na loja, garantindo a aquisição de produtos mais necessários para a criança.

“Na Arena Baby, por exemplo, trabalhamos dessa forma. Nossas lojas são compostas em grande parte por itens infantis usados, mas que estão em bom estado de conservação. Os pais ou responsáveis podem levar os produtos infantis que não usam mais para uma avaliação na loja, o que for aceito será ofertado um valor em PIX na hora, ou então eles podem reverter em Baby Crédito, com um bônus adicional, para comprar qualquer outro produto da loja”, detalha Giovanna.

Assim, como foi comentado anteriormente, essa é uma boa solução para quem precisa de retorno financeiro para ajudar a comprar novos materiais escolares, roupas ou até mesmo do dinheiro para ajudar em outra questão familiar.

Do outro lado da moda, os consumidores que também não possuem um alto poder de compra, conseguem adquirir o enxoval dos seus filhos, com qualidade e preço acessível. Além de ser possível, comprar produtos seminovos de marcas renomadas, que direto da loja, se tornaria inviável devido aos seus preços exorbitantes.

Por fim, Giovanna finaliza dizendo que a escolha é pessoal de cada família, mas que um bom meio termo, seria dividir o que será passado para frente entre doações para quem precisa e revenda para benefício próprio. “Conseguindo seguir esse caminho, todos podem sair ganhando”.


Sobre a Arena Baby


A Arena Baby é uma rede de franquias de milhares de produtos seminovos e nunca usados das suas marcas favoritas a preços até 80% mais baixos do que em lojas de varejo convencionais. 

Além disso, contam com produtos novos de fábrica a preços muito acessíveis. Sendo a escolha principal para quem procura qualidade e economia em produtos infantis.


Doar ou vender  - O que fazer com as roupas do meu filho?
Doar ou vender  - O que fazer com as roupas do meu filho?



Postar um comentário


Seu comentário é sempre bem vindo!

Comente, opine, se expresse! este espaço é seu!

Comentário Anônimo, sem nome e email , não será publicado.

Se quiser fazer contato por email, utilize o Formulário para contato

Espero que tenha gostado do Site e que volte sempre!

Postagem Anterior Próxima Postagem