Grupo Ofá, Xenia França, Lazzo Matumbi e Preta Batuque estão entre as atrações musicais de janeiro no Sesc Registro-SP Grupo Ofá, Xenia França, Lazzo Matumbi e Preta Batuque estão entre as atrações musicais de janeiro no Sesc Registro-SP 1
Siga nosso Canal no Whatsapp

Grupo Ofá, Xenia França, Lazzo Matumbi e Preta Batuque estão entre as atrações musicais de janeiro no Sesc Registro-SP

Grupo Ofá, Xenia França, Lazzo Matumbi e Preta Batuque estão entre as atrações musicais de janeiro no Sesc Registro-SP


Também se apresentam a banda Buena Salsa e os grupos regionais Trapo Velho e DNA Verde-Amarelo.

Uma seleção de shows musicais gratuitos para brindar a chegada de 2024 com muito axé e com a presença de grandes nomes da cena musical afro-brasileira é o que o Sesc Registro-SP oferece ao público do Vale do Ribeira neste mês de janeiro. 

São várias apresentações que vão rolar ao longo do mês, abrangendo variados ritmos, gêneros e bandas. Confira a programação e agende-se:


Show Obatalá com Grupo Ofá, Xenia França e Lazzo Matumbi


Um encontro para celebrar a cultura afro-brasileira está marcado para o dia 12 de janeiro (sexta) no palco externo do Teatro do Sesc Registro-SP. 

O show Obatalá: uma homenagem à Mãe Carmen vai reunir Grupo Ofá, Xenia França e Lazzo Matumbi para reverenciar a vida e o legado de Mãe Carmen, ialorixá do Terreiro do Gantois (Salvador/BA), uma das mais tradicionais casas de Candomblé do Brasil. Fundada em 1849, a casa guarda as raízes, valores e saberes da cultura e da religiosidade dos afrodescendentes no Brasil.

Com 95 anos de idade, Mãe Carmen é descendente direta das africanas que fundaram o primeiro Candomblé de origem Iorubá e segue dando continuidade às tradições culturais e religiosas e à preservação das matrizes africanas no Brasil. 

Mãe Carmen é a filha caçula de Mãe Menininha do Gantois (1894-1986), a ialorixá das ialorixás, celebrada nacionalmente em canções como a “Oração de Mãe Menininha”, de Dorival Caymmi.

O projeto em homenagem à Mãe Carmen reúne um álbum, um documentário e os shows pelo Brasil, uma iniciativa do Grupo Ofá, composto por músicos integrantes da comunidade do Terreiro do Gantois. 

A gravação do álbum em 2019 uniu artistas como Gilberto Gil, Alcione, Gal Costa, Zeca Pagodinho, Nelson Rufino, Daniela Mercury, Carlinhos Brown, Lazzo Matumbi, Marisa Monte, Jorge Ben Jor, Margareth Menezes, Márcia Short, Ivete Sangalo e Mateus Aleluia. 

Com faixas gravadas em Iorubá, o disco reverencia o legado de Mãe Carmen, propõe o respeito e o diálogo entre as religiões por meio da musicalidade e é considerado um registro histórico da memória e da preservação dos cânticos sagrados do Candomblé.

No show em Registro-SP, o Grupo Ofá traz o repertório do álbum e conta com a participação de Xenia França, cantora e compositora baiana premiada no Grammy Latino (2023), e de Lazzo Matumbi, cantor e compositor que tem o samba da Bahia e os ritmos do candomblé como fonte de inspiração e que, ao longo dos 40 anos de carreira, incorporou elementos da MPB, da música africana e do reggae jamaicano.

O show Obatalá: uma homenagem à Mãe Carmen será aberto a todos os públicos e começa às 20h, no Gramado em frente ao palco externo do Teatro do Sesc Registro.


Oficina Ritmos do Candomblé


Quem deseja conhecer mais sobre a cultura e os ritmos ancestrais do Candomblé Ketu tem a oportunidade de participar da oficina Ritmos do Candomblé, ministrada pelo músico, educador e produtor musical Iuri Passos, integrante do Grupo Ofá (Salvador/BA). 

A partir dos ritmos Daró, Agèrè, Vasi, Alujá e Ijexá, a música no Candomblé pode ser apreciada como um meio para se relacionar com as divindades. A oficina será realizada na quinta (dia 11), às 20h, na Área de Convivência.


Sons afrocaribenhos com Buena Salsa


Um baile latino do começo ao fim, com ritmos variados para agitar dançarinos de todas as idades. É o que promete a banda Buena Salsa no show que realiza no dia 19 de janeiro (sexta), às 20h, na Marquise. 

O repertório contempla grupos e intérpretes tradicionais das ilhas e países da América Central e também as mais modernas interpretações da salsa, uma mescla de ritmos latinos. 

A banda é formada por Murilo Barbosa (piano e direção musical), Adriana Gennari (voz), Fabiano Nunes (baixo), Bruno Bernini (bateria), Vlad Percussa (percussão), Everton Pera (sax e flauta) e Gabriel Techi (trumpete).


Samba e pagode raiz com Preta Batuque


Um grupo formado por mulheres pretas que reverenciam o samba e o pagode raiz estará no Sesc Registro este mês para apresentar obras de grandes compositores e intérpretes da história do samba. 

É a roda de samba com o Preta Batuque, projeto que celebra a ancestralidade, o feminino, o coletivo e a vida, e que será apresentado no Sesc Registro no dia 21 de janeiro (domingo), às 17h. 

O show faz parte do Samba na Marquise, projeto do Sesc Registro-SP que, mensalmente, encerra as tardes de domingo oferecendo ao público samba de qualidade em shows abertos na Marquise.



Bandas do Vale do Ribeira: Trapo Velho e DNA Verde-Amarelo


Banda registrense com trajetória dedicada a tocar diferentes estilos de forró – estilizado, pé de serra e universitário – o grupo Trapo Velho se apresenta no primeiro Boteco do Ribeira do ano, nesta sexta (dia 5), às 20h, na Marquise. 

Utilizando instrumentos tradicionais como zabumba, sanfona e triângulo, a banda abraça o baião, rastapé, xote e o frevo em seu repertório, fazendo uma abordagem moderna e com respeito às raízes tradicionais do gênero. Boteco do Ribeira é um projeto do Sesc Registro que mensalmente abre espaço para apresentações de músicos da região do Vale do Ribeira.

Já o grupo DNA Verde-Amarelo sobe ao palco da Área de Convivência para apresentar sucessos de Simoninha, Jairzinho, Gilberto Gil, Seu Jorge, Tim Maia, Simonal, entre outros grandes nomes da música brasileira.

Composto por Rogério Moura, Naldo Lima, Juliano Leite, Alan Monma e Adriano Maciel, o grupo traz suas interpretações de um repertório dançante dentro do projeto do Sesc Registro É pra dançar, que explora o universo musical em um espaço de celebração coletiva. O show começa às 20h no dia 26 de janeiro (sexta).


Programação completa em: https://www.sescsp.org.br/registro

Mais informações pelo telefone (13) 3828-4950. O Sesc fica na avenida Prefeito Jonas Banks Leite, 57 - Centro – Registro/SP.

Serviço:

Música – Shows em Janeiro


Boteco do Ribeira

Trapo Velho

Dia 5, sexta, 20h.

Marquise. Grátis. Sem retirada de ingressos.



Oficina Ritmos do Candomblé

Com Iuri Passos

Dia 11, quinta, 20h.

Área de Convivência. Grátis. A partir de 12 anos


Obatalá: uma homenagem à Mãe Carmen

Com Grupo Ofá, Xenia França e Lazzo Matumbi

Dia 12, sexta, 20h.

Teatro [Externo]. Grátis. Sem retirada de ingressos.


Buena Salsa

Dia 19, sexta, 20h.

Marquise. Grátis. Sem retirada de ingressos.


Samba na Marquise

Preta Batuque

Dia 21, domingo, 17h.

Marquise. Grátis. Sem retirada de ingressos.

É pra Dançar!

DNA Verde-Amarelo

Dia 26, sexta, 20h.

Área de Convivência. Grátis. Sem retirada de ingressos.


Canais do Sesc Registro-SP:
https://www.facebook.com/sescregistro
https://www.instagram.com/sescregistrosp
https://www.youtube.com/SescRegistroSP
https://www.sescsp.org.br/registro

Grupo Ofá, Xenia França, Lazzo Matumbi e Preta Batuque estão entre as atrações musicais de janeiro no Sesc Registro-SP
Grupo Ofá, Xenia França, Lazzo Matumbi e Preta Batuque estão entre as atrações musicais de janeiro no Sesc Registro-SP



Postar um comentário


Seu comentário é sempre bem vindo!

Comente, opine, se expresse! este espaço é seu!

Comentário Anônimo, sem nome e email , não será publicado.

Se quiser fazer contato por email, utilize o Formulário para contato

Espero que tenha gostado do Site e que volte sempre!

Postagem Anterior Próxima Postagem