Você sabe o significado da palavra Iguape Você sabe o significado da palavra Iguape
Siga nosso Canal no Whatsapp

Você sabe o significado da palavra Iguape

Não há um consenso quanto ao exato significado da palavra “Iguape”. Os linguistas optam por várias definições etimológicas. 

Vejamos as principais:

O major Abel Alves Fortes (1867-1938), ilustre homem de letras que, além de especialista em francês, latim e italiano, de onde traduziu verdadeiras pérolas literárias, era ainda estudioso apaixonado da língua tupi-guarani, publicou no semanário “Commercio de Iguape” (nº 970, de 16/06/1895) interessante artigo sobre a origem da palavra Iguape.

Segundo Fortes, a palavra “Iguape” se originou da fusão das seguintes palavras: Yg água) + Coá no fundo ou da parte de dentro) + Pé caminho ou estrada), o que resulta em Ygcoápé, significando "caminho por água no fundo", para discriminar o caminho da frente ou do fundo da aldeia; ou "caminho da parte de dentro por água", em oposição ao caminho que havia por água pelo mar de fora até a aldeia.

Abel Fortes sustentava que, nos anos cabralinos, existiu entre as barras de Icapara e de Cananeia, uma grande aldeia de indígenas, "o que é fácil provar pelo grande número de sambaquis que ainda existem nesta localidade."

Segundo o major Fortes: "A mutação da letra c na palavra coá vê-se em diversas palavras guaranys, especialmente quando ligada com o Y, por exemplo Yguara ou Icoara, que significam água que está no fundo ou poço."

De acordo com o pesquisador, levando-se em conta o fato que existiu uma aldeia importante nesta parte do litoral do Estado de São Paulo, "o seu nome foi dado para discriminar a differença entre os caminhos até este grande centro dos habitantes daquella época."

Por sua vez, o historiador Waldemiro Fortes (1873-1932), irmão de Abel Fortes, em seu artigo "A Villa Velha", publicado na Tribuna de Iguape, em 1920, escreveu que a palavra “Iguape” quer dizer: "água ou mar coberto de guapê"; ou seja: Ig água) + Guapê ou Uapê planta marinha). Essa planta formava grandes ilhotas flutuantes, conhecidas na época por “guapê” ou “uapê”, hoje chamadas de “aguapés”.

De acordo com o filólogo Antenor Nascentes, em seu “Dicionário Etimológico da Língua Portuguesa”, a palavra “Iguape”, em tupi-guarani, tem a seguinte grafia e significado: u’wa seio d’agua, enseada, baía, bacial fluvial, lagamar) + pe em); ou seja, no lagamar, na enseada, na bacia fluvial.

O nome é bem apropriado, uma vez que o povoado foi estabelecido defronte à barra do Icapara. E acreditamos que essa seja a melhor definição para a palavra. Com essa definição também concordam os brilhantes estudiosos Teodoro Sampaio, Xavier Fernandes e Batista Caetano.

Domingos Jaguaribe, em artigo publicado pela Revista do Instituto Histórico e Geográfico de São Paulo (“Palavras indígenas e suas etymologias e traducção portugueza”), compilando trabalhos de La-Cerda (1790), Frei Francisco dos Prazeres e Barbosa Rodrigues (1875), escreveu que a palavra “Iguape” compõe-se das raízes Yg-apó e significa: lugar alagadiço. Tal definição não deixa de ter sua coerência, uma vez que, de fato, a primitiva povoação de Iguape situava-se nas imediações da Barra do Icapara.

Todas essas definições nos levam a aceitar que o nome “Iguape” foi dado pelos indígenas em virtude de o lugar ser uma enseada, um lugar alagadiço, numa clara referência ao Mar Pequeno, ou Mar de Dentro, às margens do qual se estabeleceu, nos primórdios do Descobrimento, o povoado de Yguape.

Você sabe o significado da palavra Iguape



Texto: Roberto Fortes

Postar um comentário


Seu comentário é sempre bem vindo!

Comente, opine, se expresse! este espaço é seu!

Comentário Anônimo, sem nome e email , não será publicado.

Se quiser fazer contato por email, utilize o Formulário para contato

Espero que tenha gostado do Site e que volte sempre!

Postagem Anterior Próxima Postagem