Descartada a possibilidade do andarilho do Vale do Ribeira ser o jovem Autista desparecido em Cianorte Descartada a possibilidade do andarilho do Vale do Ribeira ser o jovem Autista desparecido em Cianorte - O Vale do Ribeira

Técnico Informatica

Técnico Informática Registro

Descartada a possibilidade do andarilho do Vale do Ribeira ser o jovem Autista desparecido em Cianorte

Neste sábado (05/02), foi descartado a possibilidade do andarilho que estava na região do Vale do Ribeira ser o jovem Autista desparecido em Cianorte.

jovem andarilho que aparece no video da caminhoneira Cleusa
Jovem andarilho que aparece no video da caminhoneira Cleusa



Neste sábado uma equipe da Rádio Regional 91,5 FM esteve no municipio de Juquiá, ás margens da BR-116 (Regis Bittencourt), para averiguar se o jovem andarilho que aparece no video da caminhoneira Cleusa seria o jovem autista Hayslon Miguel, que está desaparecido desde o dia 23 de outubro de 2021, em Cianorte, no noroeste do Paraná.

Foram tiradas algumas fotos do andarilho que estava em Juquiá na região do Vale do Ribeira (SP), e enviado para a familia do jovem autista Hayslon Miguel que não reconheceu o rapaz como seu filho.

Não sabemos a identidade do andarilho que anda pelas margens da BR-116. Segundo populares ele deve ser morador de Juquiá ou Miracatu. Caso alguem o conheça entrar em contato com as autoridades competentes.

Histórico do Caso 


Na ultima sexta-feira (04/02), O site O Vale do Ribeira recebeu a informação através das redes sociais, que foi visto um andarilho adolescente nas margens da BR-116 no municipio de Registro-SP.

Jovem autista Hayslon Miguel tem 16 anos
Jovem autista Hayslon Miguel tem 16 anos - Foto: Arquivo Pessoal




Segundo o video na rede social Facebook de uma caminhoneira, chamada Cleusa, que ajudou um adarilho adolescente que tinha traços autista, nas margens da BR-116 (Regis Bittencourt) no municipio de Registro-SP na região do Vale do Ribeira . 

      

O radialista Walber da Radio Cia Norte entrou em contato com a rádio regional de Registro 91,5 FM , dando uma entrevista e explicando o caso do jovem autista que esta desaparecido, nesta sexta-feira (04/02).

Foi repassado a informação ao Doutor Carlos Ceroni, Delegado da DIG (Delegacia de Investigações Gerais) de Registro-SP.

Segundo o site G1  do Parana o Hayslon Miguel tem 16 anos e foi visto pela última ver no dia 23 de outubro. Polícia Civil ouviu testemunhas e descarta possibilidade de desaparecimento estar envolvido com crime.

As buscas pelo adolescente Hayslon Miguel Valinhos de Oliveira, de 16 anos, estão completando dois meses, nesta quinta-feira (23). O jovem é autista e foi visto pela última vez, em outubro, em Cianorte, no noroeste do Paraná.

A família de Hayslon percorreu mais de 20 cidades da região em busca pelor rapaz. O desaparecimento também é investigado pela Polícia Civil. Informações sobre o paradeiro do jovem podem ser repassadas pelo telefone 190.

O pai de Hayslon, Valdecir Nunes de Oliveira, disse que tem impressão que não vê o filho há mais de um ano. Ele disse ainda que não interromperá as buscas até encontrar o jovem.


"Foram meses de bastante correria e sofridos. Enquanto eu não achar, não vou parar de buscar. A esperança não acaba. Encontrar ele seria um presente imenso", disse.

A recomendação da família é para que, caso alguém encontre o rapaz, evitar chegar falando alto e em grande número de pessoas. Por causa do autismo, Hayslon também tem problemas de comunicação.

O correto é oferecer ajuda e informar que irá chamar o pai dele e chamar a polícia imediatamente.


A Polícia Civil informou que ouviu diversas testemunhas, sendo que sete prestaram depoimento oficialmente. Por enquanto, o órgão descarta a possibilidade de crime no desaparecimento.


O caso


O garoto passava por acompanhamento psicoterapêutico no Centro de Atenção Psicossocial (CAPS) de Cianorte. Pelo autismo, as investigações apontam que ele pode estar andando sem rumo.

Segundo o pai, amigos e familiares o ajudam a procurar o menino. As forças de segurança suspenderam as buscas enquanto não houver pistas mais concretas sobre a localização do adolescente.

Entretanto, novas informações podem ser passadas para a Polícia Civil e Corpo de Bombeiros.


Valdecir explicou ainda que algumas informações sobre o adolescente estão desencontradas. Uma das últimas é que um adolescente parecido com Hayslon foi visto em Umuarama, também no noroeste.


De acordo com o pai, o menino estar na cidade faz sentido, pois a última vez que o viu, o filho disse que iria morar com a mãe, em Umuarama.

Postar um comentário

0 Comentários