Governo de São Paulo restaura capela do século 18 situada em quilombo, em Eldorado Governo de São Paulo restaura capela do século 18 situada em quilombo, em Eldorado - O Vale do Ribeira

Técnico Informatica

Técnico Informática Registro

Governo de São Paulo restaura capela do século 18 situada em quilombo, em Eldorado

As obras na Capela Nossa Senhora do Rosário dos Homens Pretos estão a cargo da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Estado de SP e integram o Programa Vale do Futuro.

Um patrimônio artístico e histórico de Eldorado passa por importante obra de reforma e restauro. Tombada pelo Condephaat (Conselho de Defesa do Patrimônio Histórico, Arqueológico, Artístico e Turístico) em 1972, a Capela Nossa Senhora do Rosário dos Homens Pretos, localizada no Quilombo Ivaporunduva, município de Eldorado, recebe as melhorias desde a segunda quinzena de dezembro com investimentos da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Estado de São Paulo. É mais uma ação que integra o Programa Vale do Futuro, visando ao crescimento e desenvolvimento do Vale do Ribeira.

O prazo de conclusão das obras é de 10 meses, a contar do dia 15 de dezembro, com investimento total de R$1.222.435,68. A contratação compreende o serviço de restauro para manutenção do que é original, respeitando as técnicas tradicionais para assegurar e ampliar seu tempo de vida útil, além de reforma para oferecer segurança e integridade do bem, atendendo às necessidades atuais, envolvendo cobertura, acessibilidade, pisos, esquadrias, altar, instalação elétrica, área externa, garantindo o pleno funcionamento da Capela Nossa Senhora do Rosário dos Homens Pretos e preservando sua estrutura original.

Para o coordenador-geral do Programa Vale do Futuro Marco Aurélio Gomes, a recuperação da capela é a valorização da cultura e da história dos quilombolas e uma forma de apoiar a permanência dessas comunidades em seus territórios. “No Quilombo Ivaporunduva, são dezenas de famílias descendentes diretas de escravos que preservam a cultura e a história do povo negro e dali tiram seu sustento especialmente com a produção de banana, do palmito juçara e o artesanato. O restauro da Capela Nossa Senhora do Rosário dos Homens Pretos, um patrimônio histórico e cultural do Vale do Ribeira, potencializa a atração de turistas, possibilitando mais renda para essa comunidade”, disse.

O Quilombo Ivaporunduva é atualmente um importante ponto do ecoturismo do Vale do Ribeira, faz parte do Circuito Quilombola, que promove uma rota ao longo de diversos quilombos. A ocupação no local é datada do século 16. O povoado se desenvolveu por meio da cultura de subsistência, com construções em pau a pique, que se mantém até os dias de hoje. Já a Capela de Nossa Senhora do Rosário dos Homens Pretos foi erguida por escravos negros em taipa de pilão, por volta de 1775. A conclusão das obras da Capela apenas se efetivou no século XIX, ocasião em que se introduziu a capela mor, em alvenaria de pedra cangicada. A planta se constitui de nave única e de capela mor, este último corpo menor e mais baixo, coberta por telhado em duas águas. A sua fachada principal, bem simplificada, possui uma única porta e, acima, na altura do coro, duas janelas.

Governo de São Paulo restaura capela do século 18 situada em quilombo, em Eldorado



Postar um comentário

0 Comentários