Polícia Civil captura homem foragido da justiça, acusado da prática de tortura na Região do Vale do Ribeira Polícia Civil captura homem foragido da justiça, acusado da prática de tortura na Região do Vale do Ribeira - O Vale do Ribeira

Técnico Informatica

Técnico Informática Registro

Polícia Civil captura homem foragido da justiça, acusado da prática de tortura na Região do Vale do Ribeira

Na manhã de hoje (17), policiais civis da Delegacia Sede de Ilha Comprida prenderam um homem (39 anos) em um apartamento localizado na Rua Xavantes, Vila Tupi, na cidade de Praia Grande.

Ele estava na condição de procurado da justiça desde o ano de 2019, pela prática dos crimes de homicídio tentado, tortura e porte ilegal de arma de fogo.

Em 15 de janeiro de 2019, um homem (41 anos), em razão da suspeita de que estaria aliciando meninas no Balneário Cláudia Mara, no município de Ilha Comprida, foi seqüestrado por traficantes locais e levado a um cômodo, onde foi submetido a diversas torturas, não morrendo em razão de ter conseguido fugir do local.

Instaurado o respectivo inquérito policial para averiguação dos fatos, os investigadores identificaram seis dos agressores, os quais tiveram sua prisão temporária decretada pelo Poder Judiciário.

Naquele mesmo ano, foi realizada operação policial contando com o apoio de policiais civis da Delegacia de Polícia de Iguape, bem como da Delegacia de Investigações sobre Entorpecentes - DISE e da Delegacia de Investigações Gerais – DIG de Registro-SP. Na ação, cinco desses indivíduos foram capturados, exceto o alvo principal.

Em continuidade das investigações a fim de sua localização, apurou-se que o indivíduo estaria residindo em Praia Grande, para onde os policiais se dirigiram munidos do mandado de prisão.

Ele foi localizado, capturado e encaminhado à cadeia pública de Registro, onde ficará a disposição da Justiça.


Polícia Civil captura homem foragido da justiça, acusado da prática de tortura na Região do Vale do Ribeira



Assessoria de Imprensa – Polícia Civil (Deinter-6)

Postar um comentário

0 Comentários