Arteris Régis Bittencourt estima fluxo até 60 por cento maior neste final de ano Arteris Régis Bittencourt estima fluxo até 60 por cento maior neste final de ano - O Vale do Ribeira

Técnico Informatica

Técnico Informática Registro

Arteris Régis Bittencourt estima fluxo até 60 por cento maior neste final de ano

Para atender a demanda de tráfego até 60% maior do que em dias normais, entre os dias 20/12 e 04/01/2022 a Régis Bittencourt terá operação especial de tráfego, com incremento nos recursos operacionais e restrição para execução de obras, de modo a minimizar os impactos aos usuários neste final de ano.

São esperados cerca de 2,8 milhões de veículos circulando entre São Paulo e Curitiba, na BR-116, uma média de 174 mil veículos por dia em cada uma das seis praças de pedágio ao longo do trecho concedido.

Para atender essa demanda, a concessionária irá realizar uma operação especial de tráfego, com reforço do efetivo operacional. Mais de 50 veículos operacionais estarão posicionados em locais estratégicos, proporcionando maior agilidade nos atendimentos.

Os usuários da Régis Bittencourt, entre São Paulo e Curitiba, contam com a rodovia totalmente em pista dupla e sem obras programadas (somente fixas), neste trajeto. A concessionária realizou investimentos no pavimento que alcançaram toda a BR-116, de São Paulo até o Paraná, com mais de 317 Km/faixa executados em melhorias que vão de fresagem à reconstrução estrutural do asfalto.


Ampliação do sistema de monitoramento


A Arteris Régis Bittencourt concluiu no final de agosto a ampliação da estrutura de monitoramento da BR-116. O sistema interligado por fibra ótica conta agora com 73 novas câmeras de monitoramento. Assim, o percentual do trecho com cobertura operacional por câmeras passa a ser de 89% – com 276 câmeras ao total. Além do incremento para operação, as novas câmeras também auxiliam no reforço da segurança pública – com o compartilhamento sincronizado junto à Polícia Rodoviária Federal.

A concessionária recomenda que os usuários programem a sua viagem e evitem os horários de pico, para minimizar os transtornos na rodovia. Está restrita a passagem de cargas superdimensionadas pela rodovia Régis Bittencourt e a realização de obras com interdição de pistas, no período.


Confira a previsão de horários de maior movimento na rodovia:



  • 24/12 - Sexta-feira - Das 14h às 00h
  • 26/12 - Domingo - Das 12h às 00h
  • 30/12 - Quinta-feira - Das 14h às 20
  • 31/12 - Sexta-feira - Das 08h às 20h
  • 02/01 - Domingo - Das 12h às 00h


Pontos que podem apresentar lentidão


Trecho paulista:


  • Do km 268,9 ao km 271 - Semáforos em Taboão da Serra
  • Do km 279 ao km 284 - Entroncamento com o Rodoanel (SP-021)
  • Do km 336 ao km 370 - Miracatu na Serra do Cafezal
  • Obra fixa no km 464,9 - Pariquera-Açu (pista sul)
  • Do km 498 ao km 524 - Cajati na Serra do Azeite
  • Do km 544 ao km 569 - Barra do Turvo na Serra da Bica da Onça

Trecho paranaense:

Do km 14 ao km 34 - Campina Grande do Sul na Serra do Alpino

Acompanhe as condições da Régis nos canais de comunicação

O atendimento na rodovia poderá ser acionado pelo 0800 709 0116. O telefone gratuito 0800 717 1000 está disponível também para o atendimento aos usuários com deficiência auditiva e da fala.


O perfil da concessionária no Twitter @Arteris_ARB trará informações em tempo real sobre as condições de tráfego nos principais pontos da rodovia. Outro canal é o site da concessionária www.arteris.com.br/concessionarias/regis-bittencourt.


Pedágio


A Régis Bittencourt possui cobrança de pedágio nos seguintes pontos:


  • São Lourenço da Serra (SP) - Km 299
  • Miracatu (SP) - Km 370
  • Juquiá (SP) - Km 427
  • Cajati (SP) - Km 485
  • Barra do Turvo (SP) - Km 542
  • Campina Grande do Sul (PR) - Km 57

A tarifa básica é de R$ 3,40 em todas as praças; motos pagam R$ 1,70 e veículos comerciais pagam conforme o número de eixos.

Arteris Régis Bittencourt estima fluxo até 60 por cento maior neste final de ano


Postar um comentário

0 Comentários