Projeto Grafite leva arte para as paredes das escolas e envolve toda comunidade escolar Projeto Grafite leva arte para as paredes das escolas e envolve toda comunidade escolar - O Vale do Ribeira

Técnico Informatica

Técnico Informática Registro

Projeto Grafite leva arte para as paredes das escolas e envolve toda comunidade escolar

Os alunos do 4º e 5º ano da Rede Municipal de Ensino de Jacupiranga, da E.M.E.I.F Rural do bairro Pindaúba, tiveram a oportunidade de serem protagonistas em uma ação diferenciada coordenada pelo professor especialista em arte Marcelo Mancio, que inclusive já foi premiado em 2018 na cidade de Cajati com o projeto “Professor faz a diferença”.

Projeto Grafite leva arte para as paredes das escolas e envolve toda comunidade escolar


Através dos pincéis, de muita cor e da arte, o muro da escola, que antes continha uma pintura comum, criou vida com a releitura de uma obra de Kandinsky, um artista plástico russo que ficou muito famoso e conhecido por ter o dom de escutar os sons das cores.

Projeto Grafite leva arte para as paredes das escolas e envolve toda comunidade escolar

O “Projeto Grafite”, além de contribuir com a beleza da escola, criou um grande envolvimento e interesse pela arte em todas as crianças.

“Já tive a oportunidade de levar o Projeto Grafite para os alunos de Cajati e agora estou realizado em poder fazer este trabalho aqui em Jacupiranga. Acredito que através da arte podemos mudar o mundo! Agradeço ao prefeito Roberto e também aos pais dos alunos por acreditarem nesse trabalho lúdico e diferenciado que estamos fazendo com os alunos, dentro e fora de sala de aula”, explica o professor.

Até que o desenho ficasse pronto no muro da escola, muitas etapas anteriores precisarem ser percorridas, entre elas as aulas teóricas e práticas em sala de aula. De acordo com o professor Marcelo, trabalhar os temas de forma leve e aprofundada é de suma importância para a formação e aprendizado das crianças.

“Primeiramente tudo foi ensinado para os alunos nas aulas remotas e presenciais. Fizemos as releituras das obras de arte do artista Kandinsky com o uso de diversos materiais, assim como lápis de cor, giz de cera e guache. A partir daí, levamos todo esse conhecimento para o muro da escola. Quero destacar aqui que este trabalho foi feito em conjunto com a coordenação, direção e supervisores de ensino, juntamente com a autorização dos pais e responsáveis. Agradeço pela oportunidade de oferecer o lúdico aos alunos em tempos tão difíceis que o Covid proporcionou a todos nós”.

Além das técnicas de Kandinsky, que usava cores fortes e formas geométricas para pintar as músicas eruditas que escutava, o “Projeto Grafite” trouxe também o tema figurativo com as obras de Romero Britto, um pintor e escultor brasileiro muito conhecido e famoso por sua arte pop e estilo alegre.

De acordo com o professor Marcelo, o grafite é um dos primeiros conteúdos em arte para o quinto ano que faz parte do Plano de Ensino, onde trabalha também um artista brasileiro muito renomado chamado Eduardo Cobra. O professor destaca ainda que a ideia é incluir os alunos dos segundos e terceiros anos ao projeto.

“Queremos envolver o máximo de crianças e também a comunidade escolar ao redor”.

Além da escola do Pindaúba, outras também serão inseridas no projeto, que para o prefeito de Jacupiranga, Roberto Garcia, vai muito além de colorir as paredes das escolas.

“Este projeto vai de encontro com tudo que essa gestão acredita! Em uma sociedade mais rica em sabedoria, em cultura e arte. Priorizar e fazer a diferença na vida escolar das crianças é garantir um futuro melhor para toda a sociedade. Agradeço pelo envolvimento de todos neste lindo projeto”, afirma o prefeito.

Postar um comentário

0 Comentários