Programa Guardiões da Mata Atlântica leva pesquisas científicas do Legado das Águas para escolas públicas de Juquiá Programa Guardiões da Mata Atlântica leva pesquisas científicas do Legado das Águas para escolas públicas de Juquiá - O Vale do Ribeira

Técnico Informatica

Técnico Informática Registro

Programa Guardiões da Mata Atlântica leva pesquisas científicas do Legado das Águas para escolas públicas de Juquiá

Por meio da Educação Ambiental, o programa visa fortalecer o protagonismo de crianças e adolescentes na conservação da Mata Atlântica

Programa Guardiões da Mata Atlântica leva pesquisas científicas do Legado das Águas para escolas públicas de Juquiá

As descobertas realizadas pelas pesquisas científicas no Legado das Águas – maior reserva privada de Mata Atlântica do país – estão entre as mais relevantes sobre o bioma nos últimos dez anos. Para compartilhar esse conhecimento com a sociedade, uma das iniciativas é o Programa Guardiões da Mata Atlântica, lançado oficialmente nesse mês de setembro, em Juquiá. Por meio da Educação Ambiental, o objetivo é fortalecer o elo emocional com a natureza, de forma que crianças e adolescente vivenciem o mundo natural de maneira lúdica e artística, formando uma nova geração engajada com a conservação de um dos biomas mais ameaçados do planeta.

A etapa 2021 do Guardiões da Mata Atlântica conta com o apoio do Onçafari – que realiza pesquisa com onças no Legado Águas, com o Instituto Butantan – parceiro da Reserva na pesquisa com répteis e anfíbios, com a Brazucah Produções – parceiro em projetos culturais audiovisuais, e da Secretaria Municipal de Educação de Juquiá.

O programa teve início com uma ação-piloto em agosto com o Onçafari para alunos do 4° e 5° anos, da Escola Municipal EMEF Professora Maria do Carmo Monteiro de Mello, com a aplicação da cartilha “Mata Atlântica e seus habitantes”, apresentando seis felinos que vivem na floresta da região e as suas características e, em seguida, atividades e jogos. Em setembro foram realizadas mais três atividades no mês, incluindo atividades lúdicas sobre aves e oficina de cinema. As ações serão realizadas mensalmente até dezembro. O cronograma inclui diversas atividades lúdicas e interativas, como jogos educativos, oficinas de produção audiovisual, sessão de cinema, cards educativos e um seminário de encerramento.

Mata Atlântica nas escolas


De acordo com Daniela Gerdenits, coordenadora de Parcerias e Responsabilidade Social do Legado das Águas, o programa visa contribuir com o conhecimento sobre a Mata Atlântica no ensino regular ao compartilhar os resultados das pesquisas científicas realizadas na Reserva, além de outras temáticas vinculadas ao próprio currículo escolar. “É preciso conhecer para conservar, partindo desse princípio, os guardiões poderão se sentir empoderados para colocar em prática, multiplicar esse conhecimento e, junto conosco, proteger a floresta”, explica.

Daniela complementa dizendo que “é comum ver pessoas que reconhecem diversos animais de outros continentes, mas que conhecem pouco sobre as espécies nativas, que estão nas florestas a pouquíssimos quilômetros - as vezes metros - de distância. As pesquisas científicas no Legado das Águas tiveram descobertas muito significativas para a fauna e flora do bioma. Por meio da Educação Ambiental, compartilhamos esse conhecimento e fortalecemos a conservação da Mata Atlântica, contribuindo para gerações mais conscientes da importância e potencial do bioma”.

Pelo lado da formação educacional e ensino-aprendizagem, as atividades do Guardiões da Mata Atlântica, segundo Elaine Izabel de Moura, analista de Educação Ambiental do Legado das Águas, contribuem para o desenvolvimento de algumas habilidades e pensamento crítico dos alunos. “O contato com a natureza, o brincar livre, o conhecimento e observação do mundo natural, enriquecem o repertório da infância e adolescência, aumentam estímulos sensoriais, influenciando na capacidade de aprendizagem, criatividade, e na habilidade de lidar com os desafios e diferenças”, comenta Elaine.

“Essas experiências geram memórias que favorecem uma postura mais cuidadora com a natureza, formando cidadãos mais conscientes”, finaliza Elaine reforçando que o programa está alinhado com Currículo Paulista, que é o documento norteador de políticas públicas educacionais do Estado de São Paulo.

Embora o Programa Guardiões da Mata Atlântica tenha iniciado em uma escola em Juquiá, o objetivo é ampliar para outras cidades e escolas do Vale do Ribeira.

Sobre o Legado das Águas – Reserva Votorantim


O Legado das Águas é a maior reserva privada de Mata Atlântica do Brasil. Área de 31 mil hectares divididos entre os municípios de Juquiá, Miracatu e Tapiraí, no Vale do Ribeira, interior do estado de São Paulo, que alia a proteção da floresta e o desenvolvimento de pesquisas científicas a atividades da nova economia, como a produção de plantas nativas e o ecoturismo. Foi fundado em 2012 pelas empresas CBA – Companhia Brasileira de Alumínio, Nexa, Votorantim Cimentos e Votorantim Energia. É administrado pela Reservas Votorantim LTDA. e mantido pela Votorantim S.A, que também em 2012, firmou um protocolo com o Governo do Estado de São Paulo para viabilizar a criação da Reserva e garantir a sua proteção. Mais do que um escudo natural para o recurso hídrico, o Legado das Águas trata-se de um território raro e em estágio avançado de conservação, com a missão de estabelecer um novo modelo de área protegida privada, cujas atividades geram benefícios sociais, ambientais e econômicos de maneira sustentável. Saiba mais em https://www.legadodasaguas.com.br

Postar um comentário

0 Comentários