Exposição Arte que vem das Águas em Iguape Exposição Arte que vem das Águas em Iguape - O Vale do Ribeira

Técnico Informatica

Técnico Informática Registro

Exposição Arte que vem das Águas em Iguape

A Exposição Arte que vem das águas une a biodiversidade marinha à riqueza dos talentos do Vale do Ribeira, combinando de forma encantadora economia criativa e economia circular.

Exposição Arte que vem das Águas em Iguape



Projeto aprovado com nota máxima no ProAC Editais reúne 20 artesãos de Iguape, que utilizaram madeiras depositadas pelo Rio Ribeira na Praia do Leste.

São 26 obras, ilustrando a biodiversidade marinha da maior faixa contínua de Mata Atlântica do país. De tartaruga de couro a cavalo marinho, de arraia a tainha, a coleção das peças entalhadas traz à tona vários dos animais mais fascinantes do ecossistema que banha o Vale do Ribeira. A exposição constitui também um alerta, agrupando as espécies em animais já extintos, raros e ainda abundantes.

Exposição Arte que vem das Águas em Iguape



O projeto congregou residentes da região de Icapara, Barra do Ribeira e entorno e contou com 10 encontros, ministrados pela renomada escultora Maria De Fatima Rodrigues De Oliveira Rosa, a Fafá. Em um exemplo encantador de economia circular, a madeira utilizada foi coletada na Praia do Leste, em Iguape, ali depositada pela foz do Rio Ribeira - e no que contou com autorização da CETESB.


"A maioria dos alunos se inscreveu por curiosidade e, ao longo dos meses, se apaixonou pelo trabalho em madeira. Trata-se de um projeto inédito de economia criativa, gerando uma nova possibilidade de emprego e renda, com base nas singularidades do Vale do Ribeira e no talento criativo de seus Valentes", diz a curadora Ana Carla Fonseca Cainha, da Garimpo de Soluções.

A coleção será inicialmente exposta na primeira Casa de Fundição do país, recentemente restaurada como centro cultural, em Iguape, onde deverá permanecer de 24 de setembro a 17 de outubro. Em seguida, será transportada para São Paulo, onde ocupará o Palácio dos Bandeirantes. Ao final dessa segunda exposição as obras serão leiloadas de forma online. O montante arrecadado dará lastro à compra de equipamentos para a constituição de uma rádio web comunitária do Vale do Ribeira.

Trata-se de uma iniciativa do Instituto LAGUZ, respaldada pela curadoria da Garimpo de Soluções, com produção da @rocaproducoes , viabilizada pelo Edital ProAC 2021, da Secretaria de Cultura e Economia Criativa - Secretaria de Estado da Cultura e da Economia Criativa do Estado de São Paulo e teve apoio da Prefeitura Municipal de Iguape e da Atelier Aly da Costa.

Serviço:


Exposição “Arte que vem das Águas”

Museu Histórico e Arqueológico de Iguape - Rua das Neves, 45 - Centro

Abertura: Sexta-feira, 24/09, a partir das 19h.

Postar um comentário

0 Comentários