Jovens de escolas de Juquiá e Miracatu participam de um novo modelo de apresentação: o teatro filmado, com estreia prevista para agosto Jovens de escolas de Juquiá e Miracatu participam de um novo modelo de apresentação: o teatro filmado, com estreia prevista para agosto - O Vale do Ribeira

Técnico Informatica

Técnico Informática Registro

Jovens de escolas de Juquiá e Miracatu participam de um novo modelo de apresentação: o teatro filmado, com estreia prevista para agosto

CORPO INCENA ARTE EDUCAÇÃO avança na produção de peça co-produzida pelos participantes do Projeto 360 Graus

Jovens de escolas de Juquiá e Miracatu participam de um novo modelo de apresentação: o teatro filmado, com estreia prevista para agosto



Com o retorno de suas atividades, paralisadas pela pandemia, o projeto “360 Graus", em parceria com o Legado das Águas, maior reserva de mata atlântica do país, e com o Instituto Votorantim, deu início às gravações da obra “Amores de Férias”, peça em formato de teatro filmado. O projeto – coordenado pelo grupo CORPO INCENA ARTE EDUCAÇÃO, que propõe a união do profissionalismo teatral e a importância do saber e do fazer sobre a educação emocional – conta com o apoio dos alunos em todas as etapas de desenvolvimento da peça, incluindo produção e roteiro.

O Projeto 360 Graus realiza oficinas de maquiagem e aulas de dramaturgia, expressão corporal e musicalização com jovens de comunidades pouco favorecidas e de escolas públicas, nos municípios de Juquiá e Miracatu. Visando a formação cultural dos alunos a partir do teatro, as atividades estimulam a autonomia, a criatividade e a autoestima. Em junho, a diretora de palco Sandra Corrêa Lotufo e o diretor musical Ricardo Nash proporcionaram seis encontros presenciais, fora os dias de gravações de cenas, realizando ensaios e ajustes, com a participação dos 22 integrantes do projeto.

As filmagens foram realizadas entre os dias 27 e 30 de junho, contando com atividades em Juquiá e Miracatu, com a equipe do Projeto 360 Graus se dividindo entre os municípios, levando em conta todos os cuidados necessários relacionados à pandemia da Covid-19. Os alunos, que participaram de cenas com proximidade entre o elenco, realizaram o teste de detecção da Covid-19, garantindo a segurança de todos nas filmagens.

Para as atividades, foram convidados jovens atores de Ibiúna, os quais iniciaram suas formações na área de artes em 2014 e em 2017 ao participarem de dois projetos realizados pelo CORPO INCENA ARTE EDUCAÇÃO, que também tiveram o apoio do Legado das Águas. A estratégia de convidar participantes de projetos anteriores levou em consideração a experiência desses atores “veteranos”; a idade, devido à necessidade de todos serem maiores de 18 anos para facilitar o translado; as responsabilidades com o período pandêmico; e a vacinação contra a Covid-19.

No planejamento inicial, a obra seria apresentada em formato de teatro. Devido à pandemia, porém, o Projeto 360 Graus adaptou sua produção para um teatro filmado. A obra "Amores de Férias" tem apresentações previstas para os dias 25 e 26 de agosto, após o término da produção, em Juquiá e Miracatu, sendo duas apresentações em cada município, além de duas on-line, nos dias 27 e 28 de agosto.

Experiência e Comunidade

A diretora e idealizadora do projeto, Sandra Corrêa Lotufo, analisa a importância do projeto, ressaltando a experiência para todos os participantes. "Sabíamos que o mês de junho seria de intenso trabalho e, portanto, nos organizamos sem deixar de lado a consciência e a experiência de que a vida sempre nos apresenta novos desafios. Nestes momentos, respiramos, pensamos e compartilhamos experiências entre a equipe, almejando uma bela criação e uma experiência significativa para todos. Só tenho a agradecer à Votorantim S.A, ao Legado das Águas e à Lei de incentivo à Cultura pela oportunidade de trabalhar no caminho da potência criativa dos jovens".

Os alunos participantes do projeto também valorizam a experiência da atividade com o grupo CORPO INCENA ARTE EDUCAÇÃO. Para Rayane Vitória Andrezani Fernandes, 16 anos, de Miracatu, além da socialização, o projeto lhe proporcionou crescimento pessoal. “Para mim, foi uma oportunidade única, porque nunca imaginei que eu faria teatro. Foi maravilhoso conhecer todo mundo que faz parte do teatro. Fiz novas amizades. Falo e converso com todo mundo. Acho que o teatro pode ajudar muitas pessoas a se soltarem e perderem a timidez”.

Karelly Natalícia da Silva Mendes, de 17 anos, de Juquiá, ressalta que o teatro auxilia os jovens a desenvolverem a criatividade e a perderem a timidez, tendo maior liberdade nas relações interpessoais. “É muito bom explorar esses caminhos da criatividade, porque, geralmente, a gente fica muito fechado, muito no nosso mundo e, aqui, a gente pode compartilhar um pouco de todo mundo”.

Daniela Gerdenits, coordenadora de Parcerias e Responsabilidade Social do Legado das Águas, afirma que as atividades mais recentes, como o início das filmagens e avanço na produção realizada pelo Projeto 360 Graus, consolida a contribuição do grupo com a formação dos jovens, colocando em prática todo o desenvolvimento alcançado ao longo dos meses de ensaios e preparação. “O programa tem oferecido grande auxílio à comunidade escolar dos municípios de Juquiá e Miracatu, principalmente neste momento pandêmico. É muito positivo ver o resultado dos esforços do grupo CORPO INCENA ARTE E EDUCAÇÃO no desenvolvimento de seus alunos, reforçando valores educacionais e sociais. Em um momento de grande dificuldade, como o que vivemos, esses valores tem sua importância redobrada no trabalho com esses jovens”, finaliza.

Sobre o Legado das Águas

O Legado das Águas é a maior reserva privada de Mata Atlântica do Brasil. Área de 31 mil hectares divididos entre os municípios de Juquiá, Miracatu e Tapiraí, no Vale do Ribeira, interior do estado de São Paulo, que alia a proteção da floresta e o desenvolvimento de pesquisas científicas à atividades da nova economia, como a produção de plantas nativas e o ecoturismo. Foi fundado em 2012 pelas empresas CBA – Companhia Brasileira de Alumínio, Nexa, Votorantim Cimentos e Votorantim Energia. É administrado pela Reservas Votorantim LTDA. e mantido pela Votorantim S.A, que também em 2012, firmou um protocolo com o Governo do Estado de São Paulo para viabilizar a criação da Reserva e garantir a sua proteção. Mais do que um escudo natural para o recurso hídrico, o Legado das Águas trata-se de um território raro e em estágio avançado de conservação, com a missão de estabelecer um novo modelo de área protegida privada, cujas atividades geram benefícios sociais, ambientais e econômicos de maneira sustentável. Saiba mais em www.legadodasaguas.com.br

 

Postar um comentário

0 Comentários