HRR integra projeto de acesso a Plataforma de Telemedicina HRR integra projeto de acesso a Plataforma de Telemedicina - O Vale do Ribeira

Técnico Informatica

Técnico Informática Registro

HRR integra projeto de acesso a Plataforma de Telemedicina

Objetivo é ampliar o acesso do profissional médico às especialidades e agilizar diagnósticos e encaminhamentos

HRR integra projeto de acesso a Plataforma de Telemedicina

O Hospital Regional de Registro (HRR) está entre os 14 hospitais estaduais atendidos pela Plataforma Tecnológica de Telemedicina, um projeto desenvolvido pelo Governo do Estado por meio da Prodesp (Companhia de Processamento de Dados do Estado de São Paulo) e Secretaria Estadual de Saúde. Na terça-feira, 3/08, os médicos do HRR participaram de treinamento para utilizar o sistema.

O projeto oferece prestação de serviços de interconsultas, em Plataforma Tecnológica de Telemedicina, incluindo a disponibilização das licenças com instalação, dispositivos para compartilhamento de informações e emissão de laudos médicos a distância, bem como apoio especializado para execução das interconsultas para 14 hospitais estaduais localizados na região metropolitana de São Paulo e no Vale do Ribeira. Os médicos dessas unidades poderão discutir casos com outros especialistas disponíveis na plataforma, inclusive solicitar laudos e receitas para medicamentos.

O sistema permite inserir o prontuário e exames dos pacientes para análise dos profissionais a distância. O objetivo é ampliar o acesso do profissional médico às especialidades médicas, possibilitando agilidade de diagnósticos e encaminhamentos, tratamentos e promoção à saúde. A telemedicina deve trazer agilidade na tomada de decisões, principalmente onde a distância é um fator crítico, otimizar os recursos disponíveis e ampliar as ações de prevenção de agravos, além de reduzir gastos com saúde, principalmente pela diminuição de deslocamentos desnecessários de pacientes.

Inicialmente, a plataforma conta com infectologistas, neurologistas clínicos e cirúrgicos, intensivistas, cardiologistas, emergencistas e ortopedistas para situações de urgência e emergência (disponíveis 24h por dia, sete dias por semana). O suporte clínico pode ser acessado de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h, e conta com endocrinologista, nefrologista, cardiologista, pneumologista, vascular, hematologista, gastroenterologista e ortopedista. As especialidades poderão aumentar conforme a demanda.

Além do treinamento realizado com os médicos, o HRR também recebeu equipamentos para colocar o projeto em prática. São cinco computadores com kit multimídia (webcam e microfone de mesa), além de um eletrocardiógrafo ligado a um notebook. Todos os médicos da Unidade já estão habilitados a acessar o sistema.

Para o cirurgião geral do HRR, Dr. Fabiano Ferrari, a plataforma será um importante apoio para os médicos. “O paciente será mais bem atendido na medida em que teremos um diagnóstico mais rápido e preciso. Podemos reduzir o tempo de internação e encaminhar melhor os pacientes”.

O médico do Núcleo Interno de Regulação (NIR) do HRR, Dr. Talles Neiva, destacou que a Plataforma possibilitará que municípios de regiões mais distantes tenham acesso a profissionais especializados que geralmente estão nas capitais e grandes centros. “É a tecnologia garantindo a transferência de dados e o acesso a especialistas de forma instantânea. Vamos economizar em transporte para avaliações e diminuir o transtorno para os pacientes e familiares”, afirma Talles.

A implantação do sistema no HRR é feito com o suporte da equipe de TI (Tecnologia da informação) local.

Por Mônica Bockor

Postar um comentário

0 Comentários