Câmara de Registro-SP entra na Campanha Sinal Vermelho à Violência Doméstica Câmara de Registro-SP entra na Campanha Sinal Vermelho à Violência Doméstica - O Vale do Ribeira

Técnico Informatica

Técnico Informática Registro

Câmara de Registro-SP entra na Campanha Sinal Vermelho à Violência Doméstica

Os números de denúncias de violência doméstica aumentaram significativamente no período do isolamento social: os índices de feminicídio cresceram 22,2% em 2020 em comparação com os meses de março e abril de 2019. Para impedir que esse fenômeno continue a evoluir, o Conselho Nacional de Justiça se uniu à Associação dos Magistrados Brasileiros (AMB) e lançaram, em junho de 2020, a campanha Sinal Vermelho contra a Violência Doméstica.

Câmara de Registro-SP entra na Campanha Sinal Vermelho à Violência Doméstica



A ideia central é que a mulher consiga pedir ajuda em farmácias, órgãos públicos e agências bancárias com um sinal vermelho desenhado na palma da mão. As vítimas já podem contar com o apoio de cerca de 15 mil farmácias, prefeituras, órgãos do Judiciário e agências do Banco do Brasil em todo o país. Nesses locais, atendentes, ao verem o sinal, imediatamente acionam as autoridades policiais. E a Câmara Municipal de Registro entrou nessa campanha.

O sinal “X” feito com batom vermelho (ou qualquer outro material) na palma da mão ou em um pedaço de papel, o que for mais fácil, permitirá que a pessoa que atende reconheça que aquela mulher foi vítima de violência doméstica e, assim, promova o acionamento da Polícia Militar.

Postar um comentário

0 Comentários