Técnico Informatica

Técnico Informática Registro

Prefeito realiza ato simbólico da entrega das chaves do Tiro de Guerra em Cajati, pioneiro no Vale do Ribeira


Atividades devem iniciar ainda neste mês após a última etapa da seleção dos jovens

O prefeito de Cajati, Sidinei Ribeiro (direita), entrega as chaves para o chefe de instrução do Tiro de Guerra, o 1º sargento Márcio Nunes.
O prefeito de Cajati, Sidinei Ribeiro (direita), entrega as chaves para o chefe de instrução do Tiro de Guerra, o 1º sargento Márcio Nunes.

Nessa terça-feira, 19 de janeiro, o prefeito de Cajati, Sidinei Ribeiro, recebeu autoridades do Exército Brasileiro para apresentar a estrutura finalizada do Tiro de Guerra (TG). Em um ato simbólico, o prefeito Sidinei entregou as chaves para o chefe de instrução da unidade, o 1º sargento Márcio Nunes. O Tiro de Guerra em Cajati é pioneiro no Vale do Ribeira e foi concretizado pelo município com recursos próprios.

O próximo passo é a realização da última fase da seleção dos candidatos na segunda-feira, 25 de janeiro. A primeira turma do TG terá 50 jovens que prestarão o serviço militar na unidade. Eles receberão instruções do serviço militar inicial para serem atiradores. Paralelamente, poderão continuar com os estudos ou atuação profissional. O tempo de prestação do serviço militar na unidade é de 9 a 12 meses. 

Da esquerda para a direita, o representante da Seção de Tiro de Guerra (STG) da 2ª Região Militar na cidade de São Paulo, o 2º tenente Eduardo Pereira Filippini, o 1º tenente e delegado da 13ª Delegacia de Serviço Militar de Cajati, Gilberto Faria, o prefeito de Cajati, Sidinei Ribeiro, o chefe de instrução do Tiro de Guerra de Cajati, o 1º sargento Márcio Nunes, a diretora do Departamento de Desenvolvimento Econômico da Prefeitura de Cajati, Kathleen Gomes da Silva Chaves, e a 3º sargento Giacomelli, também da STG da 2ª Região Militar.
Da esquerda para a direita, o representante da Seção de Tiro de Guerra (STG) da 2ª Região Militar na cidade de São Paulo, o 2º tenente Eduardo Pereira Filippini, o 1º tenente e delegado da 13ª Delegacia de Serviço Militar de Cajati, Gilberto Faria, o prefeito de Cajati, Sidinei Ribeiro, o chefe de instrução do Tiro de Guerra de Cajati, o 1º sargento Márcio Nunes, a diretora do Departamento de Desenvolvimento Econômico da Prefeitura de Cajati, Kathleen Gomes da Silva Chaves, e a 3º sargento Giacomelli, também da STG da 2ª Região Militar.

Mais informações com a Junta de Serviço Militar de Cajati pelo telefone (13) 3854-4614 ou com a Delegacia de Serviço Militar no (13) 3854-8716. O atendimento presencial nessas unidades está suspenso devido à pandemia pelo coronavírus.

Postar um comentário

0 Comentários