Últimas Notícias

Grande público e shows com estrelas nacionais e internacionais marcaram o 14º Ilha Blues

O som “visceral” nascido do lamento dos negros escravizados na América – origem do blues - tomou conta da Arena de Eventos da Praia do Boqueirão, entre os dias 12 e 14/07, durante o 14 º Ilha Blues Festival Internacional






Ilha Comprida- O som “visceral” nascido do lamento dos negros escravizados na América – origem do blues - tomou conta da Arena de Eventos da Praia do Boqueirão, entre os dias 12 e 14/07, durante o 14 º Ilha Blues Festival Internacional, que foi uma das edições mais elogiadas da história.  Estrelas do blues nacional e internacional se apresentaram  em três dias de shows e consolidaram o evento da Ilha como um dos mais  expressivos e genuínos festivais de blues do país. 

Grande público e shows com estrelas nacionais e internacionais marcaram o 14º Ilha Blues
Grande público e shows com estrelas nacionais e internacionais marcaram o 14º Ilha Blues

“Muitos festivais mesclam estilos. A Ilha mantém um dos raros festivais brasileiros fieis ao autêntico blues “, explicou o curador Rhelson Saraiva.  Na abertura, na sexta 12/07,  os shows de Marzio Trio e da argentina Xime Monzón (ARG) deram o tom da alta qualidade desta edição . No sábado 13/07, o Ilha Blues apresentou o talento de Filippe Dias Trigo (BRA) , um dos mais promissores guitarristas brasileiros da nova safra; o show do premiadíssimo Artur Menezes (BRA) e o bluesman americano Birdflegg , conhecido como “The Blues Tornado”.

No domingo, o bluesman Vasco Faé;  Lancaster & The Hot Pockets com Bidu Sous e  Anthony Big A. Sherroad (EUA) encerraram o Festival.  Na Arena, lotação máxima todos os dias.  No sábado, a organização precisou ampliar o espaço para o público melhor se acomodar. 

O prefeito Geraldino Júnior agradeceu a presença maciça do público que prestigiou o Ilha Blues, os artistas que se apresentaram , as entidades que trabalharam no evento e toda a equipe do município pelo sucesso de mais uma edição do Ilha Blues.  De acordo com o prefeito, os eventos de inverno na Ilha movimentam a economia local, engajam artesãos, escolas, entidades sociais e são aguardados com expectativa por turistas e população local . 

O Ilha Blues contou com exposição de grafiti dos alunos da oficina do artista plástico Henrique Pelerin.