Últimas Notícias

ACIAR reúne autoridades para falar sobre segurança no comércio






O presidente do Conselho Municipal de Segurança (CONSEG), Dilson Tsunoda, sugeriu ao presidente da ACIAR, Daniel Muniz de Paulo, uma reunião no quartel para falar sobre segurança no comércio. Daniel Muniz optou por fazer o encontro no auditório da Associação Comercial onde, na noite de quinta-feira, 4 de julho, mais de 50 empresários debateram questões de segurança pública. 

ACIAR reúne autoridades para  falar sobre segurança no comércio
ACIAR reúne autoridades para  falar sobre segurança no comércio

Também participaram da reunião o tenente PM Renato Souza Machado, comandante da 1º Companhia de Policiamento do 14º BPM-I,  e o delegado Felipe Augusto Pereira, ambos integrantes do CONSEG. Fabio Tatu foi o único vereador que participou da reunião,Em linhas gerais, as autoridades avaliaram que Registro ainda é uma cidade tranquila, do ponto de vista da segurança pública. “Mas a cidade está crescendo e, logo, teremos o presídio”, alertou o  tenente Renato.  

ACIAR reúne autoridades para  falar sobre segurança no comércio
ACIAR reúne autoridades para  falar sobre segurança no comércio

Respondendo aos empresários, ele afirmou que a base do telefone 190 continuará sendo Santos, explicou que moradores de rua representam um problema social, e não policial, e forneceu orientações sobre como ter melhor segurança.

Segundo o tenente, na hora de fechar o estabelecimento, o comerciante não deve manter meia porta porque facilita a entrada de ladrões. Ele também disse que a sangria de caixa não deve ser feita como rotina, todo dia exatamente na mesma hora, porque pode ser uma informação útil aos bandidos. “Quanto menos pessoas souberem sobre o dinheiro, mais seguro você está”, afirmou, recomendando ainda que antes de entrar em casa o morador observe ao redor para ver se a rua está tranquila.

Os policiais apresentaram estatísticas. Segundo o comandante, no mês de junho, foram registradas oito ocorrências de furto no comércio – todas na área central da cidade. O delegado Felipe revelou que, em março, ocorreram em Registro 40 furtos, 10 roubos, 4 furtos de veículos e um roubo de carro. Segundo ele, dos 40 furtos, apenas cerca de 20% envolveram invasão de domicílios, os demais resultaram de distração das vítimas.

Os empresários reclamaram da Praça dos Expedicionários, localizada no centro da cidade, pois, segundo eles, é ponto de encontro de usuários de drogas e álcool. O tenente Renato disse que tem conversado com a prefeitura em busca de solução para o problema da praça. Ele falou também sobre o programa “Vizinhança Solidária”, em que vizinhos observam uns aos outros para coibir violência. Pessoas interessadas no podem procurar o quartel para obter informações sobre o programa.

Os presentes ao encontro consideraram importante a participação de representantes do comércio nas reuniões do CONSEG, que ocorrem sempre na última terça-feira do mês, numa sala em cima da Ciclo Ribeira. “Com a união de todos, conseguiremos minimizar os problemas de segurança em nossa cidade”, finalizou Dilson Tsunoda.