Últimas Notícias

Policiais Civis da DIG identificam e predem homem que atacava e importunava sexualmente mulheres em Registro-SP







Nesta data (03/06), no início da manhã, Policiais Civis da Delegacia de Investigações Gerais – DIG de Registro-SP, que integra à Delegacia Seccional de Polícia de Registro-SP e são comandados pelo DEINTER-6/Santos, procederam à prisão de M.D., 33 anos, acusado de atacar e importunar sexualmente pelo menos três mulheres na cidade de Registro-SP.

Policiais Civis da DIG identificam e predem homem que atacava e importunava  sexualmente mulheres em Registro-SP
Policiais Civis da DIG identificam e predem homem que atacava e importunava  sexualmente mulheres em Registro-SP

No dia 21 de maio de 2019, uma vítima jovem compareceu ao Plantão Policial da Delegacia Seccional de Polícia de Registro-SP e noticiou que por volta das 18h45min, caminhava pela Rua José Antônio de Campos, altura do número 315, centro, nesta cidade, quando repentinamente um indivíduo não identificado na ocasião, se aproximou por trás, puxou as calças da vítima até a altura dos joelhos e ato contínuo passou as mãos em suas nádegas, para satisfazer sua lascívia. Ao ser interpelado pela vítima, em tom sarcástico o autor disse “calma moça, olhar e passar a mão não tira pedaço”. A vítima conseguiu correr e adentrar em um estabelecimento comercial próximo, oportunidade em que o criminoso fugiu.
    
Já no dia 23 de maio de 2019, outras duas mulheres compareceram ao Plantão Policial da Delegacia Seccional de Polícia de Registro-SP e relataram terem sido importunadas sexualmente por um homem desconhecido.  Esses dois crimes também ocorreram na área central da cidade, sendo a primeira vítima atacada por volta das 17h45min e a outra apenas alguns minutos após. O investigado novamente passou as mãos nas regiões genitais das vítimas, chegando a levantar o vestido de uma delas.

Após tomarem conhecimento dos fatos, Policiais Civis da Delegacia de Investigações Gerais de Registro-SP passaram a investigar os crimes, objetivando identificar e responsabilizar o “maníaco”.

Analisando as características físicas fornecidas pelas vítimas, os Policiais descobriram que todas elas teriam sido atacadas pelo mesmo homem.

Foram então procedidas inúmeras diligências, dentre as quais oitivas de testemunhas, elaboração de retrato falado, e confronto com os arquivos criminais, análise de imagens, sendo o criminoso identificado como sendo M.D. , 33 anos, morador da Vila Nova, Registro-SP.

O Delegado de Polícia Marcelo Freitas, Titular da DIG de Registro-SP e que comandou as investigações, pediu então a Justiça a decretação da prisão preventiva do criminoso, pedido que foi autorizado pela Juíza de Direito da 3ª Vara Judicial de Registro-SP.

Nesta manhã, após prévio levantamento sobre o paradeiro do investigado, os Policiais Civis da DIG localizaram e prenderam o criminoso no interior de sua residência, quando ele ainda dormia.

Conduzido à sede da Delegacia de Investigações Gerais de Registro, o criminoso foi submetido a reconhecimento pessoal e apontado com convicção pelas três vítimas.

Em seu interrogatório, M.D. de forma evasiva, alegou que não se recordava de ter atacado as vítimas.

“As vítimas reconheceram o autor com total convicção. A versão dele de que não se recorda, realmente não convence. Não há qualquer dúvida de que ele é o autor dos crimes. Todas as provas são muito robustas. Felizmente retiramos mais esse criminoso das ruas de nossa cidade, que estava causando pânico na comunidade”, disse o Delegado

O investigado possuía passagens criminais anteriores e havia deixado a prisão no ano de 2017.

Após todos os procedimentos, o preso foi encaminhado à Cadeia Pública de Registro-SP, onde permanecerá preso preventivamente, aguardando julgamento, podendo ser condenado até 15 (quinze) anos de reclusão.