Últimas Notícias

Município da ilha anuncia construção do Centro de Eventos com capacidade para cerca de duas mil pessoas






Ilha Comprida - Com as propostas de promover eventos de diferentes temas durante o ano inteiro, contribuir para a geração de novas possibilidades profissionais, gerar renda, incentivar novos negócios e economizar com a infraestrutura, o Centro de Eventos de Ilha Comprida será construído  na Av. Candapuí – atrás do Espaço Cultural Plínio Marcos.  Em processo de Licitação, a  expectativa  é que a obra seja iniciada no segundo semestre desse ano, com prazo de 360 dias para conclusão.

Município da ilha anuncia construção do Centro de Eventos  com capacidade para cerca de duas mil pessoas
Município da ilha anuncia construção do Centro de Eventos  com capacidade para cerca de duas mil pessoas

Otimista com a conquista para a cidade, o  prefeito Geraldino Júnior afirma que o Centro de Eventos representa a consolidação do Turismo de Eventos,  forte vocação do município. “O Turismo de eventos se destaca como uma das mais importantes ramificações do turismo  com amplas possibilidades como feiras, exposições, simpósios , congressos, shows, encontros náuticos e diversos tipos de eventos. Trata-se de um equipamento multiuso para atender diferentes expectativas”, afirmou.  “Também representa o fortalecimento do turismo em todas as estações do ano e  a geração de empregos e renda na cidade”, acrescenta.

Segundo o prefeito, a área anexa ao Espaço Cultural foi escolhida pelo fácil acesso, pela área para estacionamento e pela infraestrutura turística do Parque Candapuí e do Terminal Rodoviário - com todos os seus equipamentos turísticos.  O projeto foi avaliado e aprovado pelo Conselho Municipal de Turismo (COMTUR).

Dividido em dois blocos- o Salão Nobre -  Gourmet  ( com 448 metros quadrados) e o salão Ouro – Eventos ( com 1.600 metros quadrados ) com capacidade para cerca de duas mil pessoas – o Centro de Eventos terá área construída de 2.048 metros quadrados e estará interligado por deck de madeira ao Espaço Cultural Plínio Marcos. Avaliado em  cerca de R$ 4 milhões, a obra contará com recursos do Departamento de Apoio às Estâncias –DADE 2017 e contrapartida do  município.