Últimas Notícias

Vizinha foragida da justiça, incomodada com briga de casal, chama a Policia Militar e é presa em Registro-SP







A solicitante relatou que não estava conseguindo dormir por causa da briga dos vizinhos, ao verificar os dados, os policiais militares foram informados que a solicitante era foragida da justiça.


Vizinha foragida da justiça, incomodada com briga de casal, chama a Policia Militar e é presa em Registro-SP
Vizinha foragida da justiça, incomodada com briga de casal, chama a Policia Militar e é presa em Registro-SP



Uma mulher foragida da justiça acabou sendo presa após solicitar a Polícia Militar para atender ocorrência de briga do casal vizinho, na madrugada desta terça-feira (14/05), na Vila Nova, em Registro-SP. Os policiais militares se deslocaram à Vila Nova para atender uma ocorrência de briga de casal. 


Vizinha foragida da justiça, incomodada com briga de casal, chama a Policia Militar e é presa em Registro-SP
Vizinha foragida da justiça, incomodada com briga de casal, chama a Policia Militar e é presa em Registro-SP

No local a solicitante, que é vizinha do casal, relatou que solicitou a Polícia Militar porque não estava conseguindo dormir devido a briga dos seus vizinhos. 

Os policiais militares fizeram contato com o casal e orientou os brigões. Devido ter ocorrido uma discussão sem o cometimento de qualquer outro crime, os policiais militares orientaram o casal e após se acalmarem foram liberados. 

Ao verificar os dados das partes envolvidas os policiais militares foram informados que a solicitante era procurada pela justiça por crime de tráfico de drogas. 

Diante dos fatos a solicitante foi presa e encaminhada à Cadeia Pública, onde permaneceu à disposição da Justiça. 

Caso tenha conhecimento, ou seja, vítima de violência doméstica não hesite em denunciar. Basta ligar para os telefones 190, no Disque PM – 0800 0555 190 ou Disque Denúncia – 181. 

Pela internet, além do serviço Fale Conosco disponibilizado no site www.policiamilitar.sp.gov.br, há o Web Denúncia no site http://webdenuncia.org.br/. Não é necessário se identificar. Exerça sua cidadania e colabore ativamente.