Últimas Notícias

Projeto “Crescer sem Violência” contra abuso e exploração sexual infantil é implantado em Escola piloto na Baixada Santista






A Associação Rede Cananéia é parceira no Projeto
Projeto “Crescer sem Violência” contra abuso e exploração sexual infantil é implantado em Escola piloto na Baixada Santista
Projeto “Crescer sem Violência” contra abuso e exploração sexual infantil é implantado em Escola piloto na Baixada Santista
No último dia 17 de maio, sexta-feira, das 07h às 18h20, a Escola Estadual “Professor Zenon Cleantes de Moura”, na cidade de Cubatão, DESAN – Diretoria de Ensino da Região de Santos, implantou o Projeto “Crescer sem Violência”, realizado por meio de parceria com o Canal Futura, Associação Rede Cananéia, Polícia Militar do Estado de São Paulo e Rede de Proteção – Comitê Regional da Baixada Santista e Vale do Ribeira/SP, com oficinas informativas para todos os alunos da Unidade Escolar, com o objetivo de oportunizar informação sobre o assunto às crianças e adolescentes, de acordo com suas faixas-etárias, com vistas a ensiná-los a se proteger de possíveis tentativas de abuso e/ou exploração sexual infantil e, também, como denunciar possíveis casos.

As oficinas foram realizadas pela diretora da Unidade Escolar, professora Elaine Marques dos Santos, que também é membro do Projeto, sendo acompanhadas pelos professores da Unidade Escolar, que é piloto na Baixada Santista, atingindo todas as salas de Ensino Fundamental II e Ensino Médio, chegando a cerca de 250 alunos, que na oportunidade puderam saber mais como se proteger e como denunciar casos de abuso e exploração sexual infantil, sendo que os alunos dos 6ºs, 7ºs e 8ºs anos do Ensino Fundamental receberam um gibi com atividades lúdicas sobre o tema.

Vale ressaltar que no último dia 11 de maio, sábado, durante a reunião de pais e mestres, os responsáveis presentes participaram de uma pequena palestra sobre o tema , ministrada pelo Major PM Chefe da Divisão Operacional CPI -6, Gustavo Pereira Lima Magnani, falando da importância em oportunizar informação sobre o assunto às crianças e adolescentes, com vistas a ensiná-los a se proteger, na ocasião o responsáveis tiveram informações sobre o tema e sobre como denunciar possíveis casos, recebendo uma cartilha informativa.

Ressalta-se que no último sábado, 18 de maio, é lembrado o Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual Infantil, dentro da Campanha “Faça Bonito”.

Parabéns a todos os envolvidos.