Últimas Notícias

Lei de Diretrizes Orçamentárias de 2020 será analisada até final de junho em Santos









O orçamento de Santos deve atingir em 2020 R$ 3,1 bilhões, valor 7,2% maior em relação ao exercício atual, estimado em R$ 2,9 bilhões. Estimativa de receita supera a casa de R$ 3 bilhões pela primeira vez na história da Cidade.


Lei de Diretrizes Orçamentárias de 2020 será analisada até final de junho em Santos
Lei de Diretrizes Orçamentárias de 2020 será analisada até final de junho em Santos 

A previsão foi apresentada aos vereadores pelo prefeito Paulo Alexandre Barbosa, na tarde desta segunda-feira (29). Na ocasião o prefeito entregou a proposta de Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) para 2020 ao presidente da Câmara Municipal de Santos, Rui De Rosis, em visita à sede do Legislativo.

O aumento percentual se deve à expectativa de melhoria da economia do país, os investimentos na obra da entrada da Cidade e o recebimento do Imposto Sobre Serviço (ISS) das atividades portuárias.

Um dos destaques é a projeção do orçamento da Administração Direta para a área social: 56%, sendo R$ 697,3 milhões para a Saúde, R$ 621,1 milhões para Educação e R$ 71 milhões para Assistência Social. Vale ressaltar que estes valores correspondem a um aumento de R$ 90 milhões nestas áreas em relação à LDO 2019.

O presidente do Legislativo, vereador Rui De Rosis, explicou que a proposta seguirá para análise nas comissões permanentes da Câmara. “Todas as Diretrizes serão discutidas por todos os vereadores da Casa, e contarão com o parecer das Comissões. Principalmente por tratar-se de um projeto robusto como este, a discussão é extremamente importante para o desenvolvimento da Cidade’, afirmou o presidente.

Os parlamentares questionaram o prefeito quanto os serviços de saúde, a crise do desemprego no setor portuário, medidas de segurança e os andamentos de obras municipais, como a Nova Ponta da Praia e a Nova Entrada da Cidade.

Além do presidente, participaram do ato de entrega da LDO os vereadores Adilson Junior, Antônio Carlos Banha Joaquim, Audrey Kleys, Augusto Duarte, Benedito Furtado, Braz Antunes, Chico Nogueira, Fabiano Reis, Fabrício Cardoso, Geonísio Pereira, João Neri, Jorge Vieira, Lincoln Reis, Manoel Constantino, Sadao Nakai, Sergio Santana e Telma de Souza.


O que é a Lei de Diretrizes Orçamentárias?


A Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) é um documento que especifica as prioridades e metas do governo para o próximo ano. Baseado nos dados atuais, ele estabelece os parâmetros a serem seguidos na elaboração da Lei Orçamentária Anual (LOA).

Após análise da Câmara, o documento segue para o Executivo para a elaboração da proposta da LOA, que especificará como os recursos serão utilizados em cada diretriz e ação do governo.