Últimas Notícias

Vander Lopes questiona superlotação em salas de creches municipais

O vereador Vander Lopes (PSC), acompanhado do Presidente da Câmara Vereador Roberto Stuchi (MDB) e do assessor do vereador Fábio Tatu (PPS), esteve em algumas unidades de ensino.







O vereador Vander Lopes (PSC), acompanhado do Presidente da Câmara Vereador Roberto Stuchi (MDB) e do assessor do vereador Fábio Tatu (PPS), esteve em algumas unidades de ensino. 


Vander Lopes questiona superlotação em salas de creches municipais
Vander Lopes questiona superlotação em salas de creches municipais

Nas unidades foram abordados por pais de alunos que reclamam de salas que estariam superlotadas, comportando mais que o dobro de sua capacidade estipulada. “Temos relatos de vários familiares de crianças matriculadas em dezenas de creches do município afirmando que os seus filhos frequentam salas com dez, quinze crianças acima do limite de acomodação. Isso não só prejudica o aprendizado, mas também facilita a ocorrência de acidentes” ressalta Vander.

Vander Lopes questiona superlotação em salas de creches municipais
Vander Lopes questiona superlotação em salas de creches municipais

Em diligência na manhã desta segunda-feira, 25, na creche municipal Kesao Kasuga, no bairro Serrote, em uma de suas salas estaria abrigando 26 crianças, de idade de 3 a 4 anos, num espaço de 21 m². Segundo o relato dos pais, não há espaço suficiente nem para as brincadeiras e as crianças vivem se machucando. A suspeita é de que para atender a demanda reprimida daquela região, as salas estejam recebendo mais crianças que o previsto. “Abrigar crianças em creches nestas condições é cobrir um santo, descobrindo o outro. No fim, as crianças não recebem a atenção que merecem e o Poder Público acaba maquiando o grave problema do déficit de vagas no sistema de creches municipais”, salientou o vereador.

Diante as reclamações de superlotação de creches em Registro, os vereadores estiveram na Secretaria Municipal da Educação. De acordo com a supervisora Vera Seimaru, são ocorrências temporárias e deverão ser resolvidas em breve. A supervisora afirmou ainda, que os alunos serão realocados para uma sala maior.

Vander Lopes protocolou na Câmara Municipal um requerimento, solicitando a relação de todas as unidades de educação infantil da cidade, com o número de salas, a capacidade nominal de cada uma delas e quantas crianças são atendidas pela estrutura. O vereador questionou ainda sobre um possível remanejamento para atenuar os quadros de superlotação.,