Últimas Notícias

Educadoras do Criança Feliz receberam bicicletas para as visitas domiciliares







. E beneficiárias do projeto foram presenteadas com kits de roupas infantis  confeccionados pelas integrantes do Projeto Costurando o Futuro

Educadoras do Criança Feliz  receberam  bicicletas para as visitas domiciliares
Educadoras do Criança Feliz  receberam  bicicletas para as visitas domiciliares


Ilha Comprida – A presidente do Fundo Social de Solidariedade (FSS), Juliana Peitl, e a diretora do Departamento de Desenvolvimento  Social , Isabelle Martins Benetti Fogaça, e a coordenadora do CRAS, Lindamar Saba, entregaram  às visitadoras do Programa Criança Feliz, no dia 31/01, bicicletas para as visitas domiciliares das famílias atendidas pelo projeto. As  integrantes do projeto “Costurando o Futuro”  também presentearam as famílias com kits /roupas para as crianças . O “Costurando o Futuro” é uma parceria do Fundo de Solidariedade do Estado com o FSS municipal.

O Programa Criança Feliz atende cerca de 100 famílias com crianças entre zero e 6 anos, que integram programas sociais como o Bolsa Família, Benefício de Prestação Continuada.  O projeto   trabalha a criação de vínculos de pais/responsáveis  e filhos com o uso da criatividade, afetividade e a volta de antigas brincadeiras . Para os pais que reclamam da falta de tempo para se dedicar aos filhos, o projeto dá uma boa notícia: não é o tempo vai promover mudanças. É a qualidade desse tempo.  

Nas visitas às casas atendidas ,  as educadoras conversam com crianças e familiares, confeccionam brinquedos com materiais reciclados, estimulam memória, coordenação motora, a linguagem, concentração, a atenção nas crianças e – de maneira lúdica – destacam importância do vinculo entre pais e filhos.

Ação  conjunta do Ministério  do Desenvolvimento Social com o Governo do Estado e município da Ilha Comprida , o Criança Feliz  parte de indicadores  científicos que mostram que o desenvolvimento humano tem início na gestação e que a atenção, o cuidado, o vínculo e o amor nos primeiros mil primeiros dias de vida farão toda a diferença na qualidade de vida da criança.

A presidente do FSS da Ilha, Juliana Peitl, afirmou que o programa ensina principalmente aos pais formarem vínculos com os filhos, a brincar com eles, a dar afetividade porque esses momentos farão a diferença na vida dessas crianças e terão reflexos por toda a vida.  A psicóloga Isabelle , diretora do Departamento de Desenvolvimento Social ,apontou como fundamental o Criança Feliz porque “é nessa faixa etária que se forma um cidadão no futuro, um ser humano. Somos como fomos criados e esse programa, com certeza, faz toda a diferença no município”.