Últimas Notícias

Encontrada família da Gestante que deu a luz após acidente na Regis Bittencourt





Neste domingo (29/07), os familiares da gestante Ingrid Irene Ribeiro que morreu em um acidente na Regis Bittencourt vieram até o município de Registro-SP na Região do Vale do Ribeira (SP).


Encontrada família da Gestante que deu a luz após acidente na Regis Bittencourt
Ingrid Irene Ribeiro era moradora de São José dos Pinhais, no estado do Paraná.

A mulher gestante que morreu em um acidente, com um caminhão que transportava madeira,no município de Cajati na região do Vale do Ribeira(SP) foi reconhecida. 

Familiares da gestante Ingrid usaram as redes sociais, na noite deste domingo 29 de julho, para informar que já estavam  no município de Registro-SP, para tentar levar o corpo para o velório no Paraná. 
De acordo com as informações, a mulher gestante chamava-se Ingrid Irene Ribeiro e era moradora de São José dos Pinhais, no estado do Paraná.

O CONSAÚDE informa que o Hospital Regional Dr. Leopoldo Bevilacqua está neste momento providenciando a declaração de nascido vivo para a bebê. Após a avaliação médica, a equipe decidirá se a bebê poderá ou não receber alta ainda hoje.


A bebê, filha da jovem que morreu vítima de um acidente na Rodovia Régis Bittencourt, em Cajati, acaba de receber alta da unidade de cuidados médicos intermediários do Hospital Regional Dr. Leopoldo Bevilacqua. Ela irá para casa com sua família. 







Bebê nasceu após grave acidente na Regis Bittencourt em Cajati no Vale do Ribeira

Bebê nasceu após grave acidente na Regis Bittencourt em Cajati no Vale do Ribeira


Bebê nasceu após grave acidente na Regis Bittencourt no município Cajati na região do Vale do Ribeira(SP), no último dia 26 de julho. 

Bebê nasceu após grave acidente na Regis Bittencourt em Cajati no Vale do Ribeira


O médico doutor Elton Fernando Barbosa que trabalha para concessionária da rodovia Regis Bittencourt, contou emocionado como tudo aconteceu: Uma mulher, com uma gravidez bem adiantada, viajava de carona com o motorista do caminhão, no sentido Curitiba-São Paulo, quando o veículo capotou. A gestante acabou caindo para fora da cabine e acabou sendo esmagada pela carga de madeira.
"Era um acidente grave e havia relato de uma pessoa morta. Ao chegar, o médico viu que o motorista estava ferido, mas era atendido pela equipe básica. Seguiu em busca da vítima fatal que estava sob a madeira, quando ouvi um choro de bebê. Foi uma apreensão total, pois não havia relato de outra vítima."



A Bebê foi resgatada em meio às vísceras da mãe, atingida pela carga de pranchas de madeira  do caminhão. 



Uma menina nasceu após esse trágico acidente de trânsito, em que a barriga de sua mãe gestante foi atingida pela carga de madeira do caminhão, na tarde desta quinta-feira dia 26 de julho, na Rodovia Régis Bittencourt (BR-116), no município de Cajati, na região do Vale do Ribeira, interior de São Paulo. 



O motorista do caminhão Jonathan Ferreira também foi levado ao Hospital Regional Dr. Leopoldo Bevilacqua no município de Pariquera-Açu.