Últimas Notícias

Com a greve, Conselho Regional de Farmácia de SP alerta sobre medicamentos com controle de temperatura


Com a greve, Conselho Regional de Farmácia de SP alerta sobre medicamentos com controle de temperatura


Estado de conservação de vacinas e insulinas causam preocupação, já que não é possível garantir a qualidade dentro dos caminhões parados



Em nota pública, publicada hoje em parceria com outros conselhos na área de saúde, o Conselho Regional de Farmácia de São Paulo, CRF-SP, manifesta preocupação com a dificuldade de locomoção dos profissionais em decorrência da crise do combustível, assim como a escassez de insumos e medicamentos.

O movimento é legítimo, a categoria dos caminhoneiros está lutando pelos seus direitos, mas se faz urgente, neste momento delicado, que a saúde seja prioridade e que os governantes tenham uma solução imediata para que as unidades de saúde possam funcionar em sua totalidade.





Para Dr. Marcos Machado, presidente do CRF-SP, destaca também que a dificuldade na locomoção e transporte afeta a mobilidade de profissionais de saúde, a entrega de materiais e suprimentos médicos hospitalares, laboratoriais, insumos e medicamentos em hospitais, unidades básicas de saúde e farmácias em geral.

Dr. Marcos enfatiza que não é possível saber em que condições os medicamentos estão sendo mantidos dentro dos caminhões, já que eles exigem condições especiais de temperatura e armazenagem. "As farmácias possuem estoques de medicamentos básicos como analgésicos e antitérmicos para três semanas, no entanto, no caso de vacinas, insulinas, soluções oftálmicas e outros medicamentos termolábeis causam preocupação".

O CRF-SP e os demais conselhos de saúde que assinam a nota (Medicina, Enfermagem, Odontologia, Fonoaudiologia, Medicina Veterinária e Nutricionistas), entendem e respeitam o movimento realizado pelos caminhoneiros, porém, lamentam que ainda não tenha sido possível se chegar a um desfecho satisfatório, algo esperado por toda a sociedade.

Acesse o portal www.crfsp.org.br e confira a nota pública.

Sobre o CRF-SP

Entidade responsável pela fiscalização e habilitação legal do farmacêutico para o exercício de suas atividades no estado, o CRF-SP tem como missão ser referência na orientação, fiscalização e desenvolvimento do farmacêutico para o ético exercício da profissão e garantir atendimento confiável e de qualidade à sociedade.