Últimas Notícias

Professores do Vale do Ribeira aderem à paralisação e assembleia estadual em SP


Professores do Vale do Ribeira aderem à paralisação e assembleia estadual em SP
Em reunião dos REES, professores decidiram aderir ao movimento


Decisão foi tomada durante a reunião de representantes escolares ocorrida em Registro-SP.

Os professores da rede pública estadual do Vale do Ribeira aderiram à manifestação que aconteceu no dia 8 de março, no vão do MASP, na capital paulista. 

A adesão foi confirmada na reunião de representantes escolares que aconteceu no dia 2 de março, na subsede do Vale do Ribeira. “A participação dos professores é fundamental para abrir a rodada de negociações”, diz a coordenadora da APEOESP Vale do Ribeira, professora Ana Cugler.

Os principais eixos de luta dos professores são:  contra a reforma previdenciária; pelos 10,15% de reajuste salarial; a chamada para as vagas dos concursos de PEB I e PEB II; atribuição de aulas centralizada nas diretorias de ensino; pela garantia a contratação justa e transparente dos professores temporários.







Os professores reivindicam ainda, o desmembramento das classes superlotadas e a reabertura das classes fechadas e abertura de novas classes. A APEOESP também está em defesa dos professores readaptados e contra a privatização da educação – CIS e na campanha contra a renúncia fiscal de Alckmin. Os principais eixos de luta passam pela Campanha contra a implementação da reforma do ensino médio em SP, em defesa do IAMSPE e pelo cumprimento integral do PEE.

REES – Durante a reunião dos Representantes Escolares, na sede da APEOESP do Vale do Ribeira, os professores foram informados sobre o retorno do atendimento do IAMSPE no Vale do Ribeira graças à articulação dda APEOESP.