Últimas Notícias

Paróquia de Cananéia recebe Missão Sem Fronteiras

Paróquia de Cananéia recebe Missão Sem Fronteiras



As ações foram realizadas em parceria com a PJ – Pastoral da Juventude

Paróquia de Cananéia recebe Missão Sem Fronteiras

        Entre os dias 16 e 22 de janeiro, a Paróquia São João Batista de Cananéia, juntamente com a PJ – Pastoral da Juventude de Cananéia, recebeu a Missão Sem Fronteiras da Comunidade Missionária de Villaregia, que teve origem na Itália e atualmente está espalhada pelo mundo, sendo que vieram missionários e jovens das cidades paulistas de Itapecerica e Piraju e, ainda, da Itália, com o objetivo de “alcançar as pessoas com o anúncio do Evangelho e produzir, para os jovens, vivências de uma Igreja em saída”.

Paróquia de Cananéia recebe Missão Sem Fronteiras

        Segundo o coordenador da PJ de Cananéia, André Luiz Pires das Neves, os missionários e jovens ficaram hospedados na Casa e Salão Paroquial e em casas de famílias acolhedoras. 

Na terça-feira (16) foi realizada a acolhida e a Missa de Envio na Igreja Matriz. Na quarta-feira (17) foi servido o café no Salão Paroquial às 08h, seguido de divisão em grupos dos missionários e jovens da PJ para saída em visita aos bairros, sendo que a PJ visitou as comunidades do Acaraú, Carijó e Rocio, enquanto que os missionários se dirigiram para bairros mais distantes, acompanhados por moradores. 





Na quinta-feira (18) os grupos foram redivididos para visitar os bairros e à noite foi realizada uma Missa na praia do Boqueirão Sul da Ilha Comprida, celebrada pelos padres Bruno e Alessandro Nascimento, com a presença dos missionários e jovens. 

A sexta-feira (19) também foi de visita às comunidades, passando pelos bairros do Carijó, Acaraú, a Aldeia Indígena, a Casa do Idoso, o Abrigo de Menores e o grupo que ficou livre foi conhecer os rios no Acaraú. 

Já no sábado, após o café da manhã, 8h, foi realizada a acolhida, seguida de Missão Livre, onde cada Grupo escolheu a forma de evangelizar, podendo ser cantando, dançando, com encenação teatral, etc., no almoço os grupos buscaram algumas pessoas que encontraram durante a semana e que foram marcantes para a Missão, para partilhar o momento, dessa forma os jovens buscaram um senhor do Acaraú, um senhor do Carijó e um morador de rua para almoçarem todos juntos, com posterior apresentação da PJ, seguida de tempo livre no período da tarde e à noite foi realizada a Noite Cultural, com apresentação de fandango caiçara no Salão Paroquial e demais apresentações na Igreja Matriz. 

No domingo todos visitaram a praia na Ilha Comprida e se despediram na Missa de Encerramento.

        Ressalta-se que todos os dias eram servidos café da manhã às 08h, às 12h almoço, às 17h café da tarde e às 20h jantar/partilha no Salão Paroquial, preparados e servidos por agentes de pastorais voluntários da Paróquia de Cananéia, sendo o encerramento às 23h.

        De acordo com André a ação foi muito legal, pois foi possível conhecer muitas pessoas católicas nas missões e perceber a necessidade que elas têm em ser visitadas e ouvidas, pois muitas são sozinhas. “às vezes nem fazíamos tudo o que estava no cronograma, pois a conversa ia fluindo naturalmente”, comenta ele, que enfatiza que tal experiência agregou muito para o Grupo da PJ, pois a vivência diária trouxe maior união ao grupo, que estava meio disperso, sendo que alguns jovens se soltaram mais.

 “Pessoalmente foi um grande aprendizado, pois dentro da PJ nunca havia saído em missão e isso agregou muito em mim, percebi que é possível trabalhar muitos pontos dentro da PJ e aumentar nosso campo de atuação”, finaliza André, que agradece ao grupo da PJ pela união e compromisso mesmo em férias e com o imenso calor desses dias, ao padre Alessandro pela valiosa ajuda e aos missionários pela experiência proporcionada.

Fotos: Enni Pasut