Últimas Notícias

Coaching em saúde estética põe fim à gordura


Coaching em saúde estética põe fim à gordura
Diego Ragonezi, coaching em saúde estética e diretor da equipe multidisciplinar do sistema Liposhock

Projeto Liposhock 30 dias une profissionais de nutrição, estética e educação física para auxiliar na perda de medidas e vencer barreiras criadas pela autossabotagem


O ano está quase virando e a promessa de muitas pessoas é mudar os hábitos para garantir um corpo mais bonito e saudável em 2018. Mas esse desejo acaba se tornando uma repetição dos anos anteriores. O que acontece para não cumprirmos esses objetivos, principalmente quando se fala em estética corporal?

De acordo com Diego Ragonezi, coaching em saúde estética e diretor da equipe multidisciplinar do sistema Liposhock - que promove a redução de medidas por meio de choque térmico causado pelas técnicas de ciclotermia mais cosmiatria complementar - a motivação é um dos maiores aliados para o sucesso de um projeto estético, principalmente quando se fala de emagrecimento.






É preciso força de vontade para deixar o chocolate e o pãozinho de lado, além de muita disposição para encarar a malhação. “Fórmula mágica não existe, isso já é senso comum. Para um corpo saudável, é necessário a junção de dieta e atividade física, aliados a tratamentos estéticos para otimizar os resultados contra gordurinhas insistentes, flacidez e celulite”, afirma.

Diante dessa necessidade de incentivar homens e mulheres na luta por um corpo mais saudável e evitar a autossabotagem, Ragonezi criou o projeto Liposhock 30 dias, que une o trabalho de coaching, nutrição, educação física e estética.

“O maior desafio em estética é conseguir resultados, e eles nem sempre dependem apenas do profissional. A maioria do insucesso que acontece durante os tratamentos estéticos é pela falta de comprometimento do paciente com o tratamento. Por isso, criamos este projeto para caminhar juntos com os pacientes, motiva-los e até mesmo ajudar na fiscalização de mudança de hábitos”.









Afinal, quem nunca, durante uma dieta, já praticou a ação do “só hoje”; “só um pedacinho” ou, então, depois de um dia longo de trabalho, já furou a academia?

Isso é comum, só não pode virar uma rotina. “Quando trabalhamos com as técnicas de coaching, conseguimos mudar essa mentalidade. Quando a pessoa muda os seus hábitos e passa agir de forma diferente, consequentemente, transforma os resultados”.

Durante o tratamento, o acompanhamento com o coaching é sugerido entre quatro a 10 sessões, mas pode ser ampliado de acordo com a necessidade de cada paciente.

“Os atendimentos são semanais e planejados de acordo com a rotina de cada paciente. Traçamos um objetivo e acompanhamos do início ao fim, incentivando e acelerando os resultados através da autoconscientização de que é preciso sair da zona de conforto para alcançar resultados”.

O sistema de tratamento Liposhock conta com mais de duas mil clínicas credenciadas no país. Apenas o projeto 30 dias atende cerca de 10 mil pessoas por mês. Mais informações podem ser adquiridas na Fanpage Liposhock.