Últimas Notícias

PREFEITURA FAZ RECONHECIMENTO DE POTENCIAL TURÍSTICO DE QUILOMBO


PREFEITURA FAZ RECONHECIMENTO DE POTENCIAL TURÍSTICO DE QUILOMBO


Nesta quarta-feira, dia 25, a Prefeitura de Iguape, junto com Etec Agrícola de Iguape, a convite do ITESP (Instituto de Terras do Estado de São Paulo), realizou uma visita ao Quilombo Aldeia, localizado às margens do rio Una da Aldeia, que faz divisa com a Estação Ecológica da Jureia.

Fundado em 19 de junho de 2010 mas com reconhecimento pela Fundação Cultural Palmares apenas em 22 de agosto de 2012, o Quilombo de aproximadamente 7.350 hectares do município de Iguape, junto com Itesp, começou a se organizar para investir em turismo de base comunitária, uma iniciativa onde os próprios moradores locais se colocam como monitores para apresentar o lugar ao visitante.





O grupo formado por alunos (do 1º e 2º ano a fim de realizarem trabalhos a longo prazo) e professores da Etec, equipe Itesp e representantes de Departamentos da Prefeitura realizaram a travessia pelo rio Una da Aldeia com barcos fornecidos pela Prefeitura. Lá, foram recebidos pelos moradores que prepararam um café da manhã e fizeram uma breve apresentação de sua história. O Quilombo tem origem por volta de 1850 com o casamento de uma escrava e um português, resultando numa família que ainda possui membros que residem no local.

Logo após o café o grupo foi para uma trilha, acompanhado dos moradores, onde puderam observar as casas locais, plantas típicas e conhecer o belo ambiente da região, juntamente com as ricas histórias que pontuavam a vida dos quilombolas e daquele trajeto em particular, como do trabalho dos escravos na produção de arroz, doenças que vitimaram antepassados, objetos usados na época e “causos” dos habitantes.









Ao final, todos puderam saborear um almoço preparado pelos moradores com ingredientes retirados do local e, após, preencheram uma avaliação sobre o que acharam da visita e dar sugestões de melhorias, a fim de contribuir com a proposta do turismo de base comunitária.


Pela Prefeitura estavam representados os Departamentos de Agricultura, Cultura, Educação, Promoção Social, além da Assessoria de Comunicação.