Últimas Notícias

FIQUE LIGADO NA DICA: PIPA E REDE ELÉTRICA NÃO COMBINAM

FIQUE LIGADO NA DICA: PIPA E REDE ELÉTRICA NÃO COMBINAM

Entre os meses de janeiro e outubro, Elektro registrou 710 desligamentos provocados por pipas


Com a chegada da férias escolares, muitas crianças e adolescentes aproveitam o tempo livre para colocar as brincadeiras em dia. Uma das preferidas é empinar pipa. 

A opção de lazer não tem idade, no entanto, a atividade gera preocupação.   A diversão deixa de ser saudável a partir do momento que coloca a vida de outras pessoas em risco.

A Elektro reforça que as pipas devem ser empinadas em locais abertos e afastados da rede elétrica. Não se deve usar fios metálicos ou cerol. 






Caso a pipa fique presa, o melhor a fazer é não tentar pegá-la, o simples ato de  puxar uma pipa presa aos fios pode provocar uma violenta descarga elétrica, capaz de levar à morte. As linhas com cerol são capazes de romper cabos de energia, o que favorece a ocorrência de curtos circuitos e morte por choques elétricos.

Entre os meses de janeiro e outubro de 2017, a Elektro registrou 710 desligamentos provocados por pipas na área de atuação da concessionária, afetando 265 mil clientes.  Além de prejudicar o fornecimento de energia elétrica, a brincadeira também preocupa os motociclistas, pois a linha quase imperceptível no meio da rua pode provocar sérios acidentes. 

O cerol é uma substância proibida feita à base de cola, pó de vidro e outros compostos que são  condutores de eletricidade. Quem produz o cerol normalmente o faz para cortar linhas de outras pipas. 









Em contato com a pele, esse composto é capaz de provocar graves ferimentos e levar à morte.

Sobre a Elektro

Reconhecida por oito vezes como a melhor distribuidora de energia elétrica do Brasil, a Elektro é uma empresa do Grupo Neoenergia. Com atuação em 228 municípios, sendo 223 no Estado de São Paulo e cinco no Mato Grosso do Sul, a Elektro tem uma área de concessão de 121 mil quilômetros quadrados. 
A empresa tem 2,5 milhões de clientes (6 milhões de habitantes).