7 de junho de 2017

Tire 7 dúvidas sobre radioterapia

,
Tire 7 dúvidas sobre radioterapia



Radio-oncologista esclarece vários medos que os pacientes enfrentam durante o tratamento

O câncer é rodeado de estigmas e mitos. E não é diferente com os tratamentos que o combatem, caso da radioterapia. Segundo o Instituto Nacional de Câncer (Inca), até 60%  das pessoas diagnosticadas com a doença passa pelo procedimento, que tem se tornado cada vez mais eficaz. Ainda assim, muitos desconhecem como ele se dá. “É importante que algumas informações sejam desmitificadas, já que o paciente se encontra em um momento de grande fragilidade emocional. Cada detalhe esclarecido facilita bastante o  tratamento”, conta Bruna Bonaccorsi,  do Centro de Tratamento de Radioterapia - Cetus Oncologia.

A radioterapia consiste no direcionamento de radiações ionizantes ( principalmente raios-X) para tratamento de células cancerígenas. A radiação consegue impedir a multiplicação das células tumorais ou ainda, provocar a morte das mesmas. O método é indolor e as radiações não são perceptíveis a olho nu. O processo pode ser realizado de forma isolada ou associado a outros tratamentos. Caso seja recomendada juntamente com cirurgia, ela pode ser feita antes, durante ou depois da operação. O mesmo ocorre com a quimioterapia.









A especialista Bruna Bonaccorsi esclarece várias dúvidas sobre o procedimento. Veja:


RADIOTERAPIA PROVOCA QUEDA DE CABELO, COMO A QUIMIOTERAPIAS?

A radioterapia provoca efeitos colaterais locais, portanto, apenas na região irradiada. Se a região a ser tratada possuir pelos, pode ocorrer uma epilação  (queda dos pelos). Porém, eles voltam a crescer depois do tratamento. “Se a área em questão for o couro cabeludo, o local do tratamento sofrerá com queda momentânea e local dos fios de cabelo, que voltarão a crescer após finalizar as sessões de radio”.


RADIOTERAPIA QUEIMA A PELE?

“Atualmente, contamos com mais tecnologia e técnicas mais modernas, logo a pele do paciente passou a ser menos afetada como ocorria no passado”.  O que pode ocorrer é o aumento da sensibilidade na região, com vermelhidão e até mesmo, descamação conhecida como radiodermite. Isso é bastante comum no câncer de mama, por exemplo. “As reações variam muito de acordo com cada paciente e com os cuidados que o mesmo tem com a pele irradiada durante o tratamento.”, explica. É necessária a hidratação do local, maior ingestão  hídrica, não se expor ao sol, não fumar, dentre outras precauções. O indicado é seguir à risca as orientações médicas.

PODE ABRAÇAR GRAVIDAS, IDOSOS E CRIANÇAS DURANTE O TRATAMENTO?

A radioterapia externa não deixa qualquer radiação remanescente no paciente. O paciente não fica “radioativo”, ou seja, ele não emite radiação durante e após o tratamento. “Ele pode conviver com familiares, amigos, animais de estimação, sem nenhuma restrição”, diz a radio-oncologista.

RADIOTERAPIA PODE PROVOCAR INFERTILIDADE?

Se a região do corpo que estiver sendo irradiada é próxima aos órgãos reprodutivos, é possível que o (a) paciente tenha a fertilidade afetada temporariamente ou até de modo permanente. Nesses casos, o congelamento de óvulos é uma alternativa para conseguir engravidar posteriormente.

AS SESSÕES DE RADIOTERAPIA PODEM SER FEITAS JUNTO COM OUTROS TRATAMENTOS?

Sim. Em alguns casos a radioterapia deve ser feita simultaneamente com a quimioterapia. Isso depende do tipo de câncer e do protocolo de tratamento que será utilizado.

PODE DIRIGIR DEPOIS DA SESSÃO DE RADIOTERAPIA?

Não existe uma contraindicação absoluta. “Geralmente, os pacientes conseguem continuar com todas as suas atividades diárias, inclusive dirigir e trabalhar”, ressalta. Há alguns casos em que o paciente pode se encontrar mais debilitado, isso vai depender da avaliação e orientação médica individual.

 A RADIOTERAPIA CAUSA NÁUSEAS E VÔMITOS?

Como já foi dito, a radioterapia provoca sintomas apenas no local da região irradiada. Portanto, os sintomas irão variar dependendo da região. Se o paciente está sendo tratado na região do abdome, por exemplo, pode ser que ocorram episódios de náuseas e vômitos, que são controláveis com medicação


.
Comentários
0 Comentários
0 comentários to “Tire 7 dúvidas sobre radioterapia”

Postar um comentário


Seu comentário é sempre bem vindo!

Comente, opine, se expresse! este espaço é seu!

Comentário Anônimo, sem nome e email , não será publicado.

Se quiser fazer contato por email, utilize o Formulário para contato

Espero que tenha gostado do Site e que volte sempre!

in-article

Mobile

addthis

Contato (13) 3821-6148

Manutenção de celulares - Técnico de Informática

20 Mega de Internet

20 Mega de Internet na Infovale

Clique na imagem

Empregos no Japão

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 

O Vale do Ribeira Copyright © 2011 | Design by: [ Camilo Aparecido Almeida ] | Movido a: [ Blogger ]