28 de junho de 2017

Saraus no Espaço Cultural, a casa da poesia em Ilha comprida

,

Saraus no Espaço Cultural, a casa da poesia em Ilha comprida


Ilha Comprida - Na noite de segunda 26/06 , o Espaço Cultural Plínio Marcos viveu grande noite de poesia, música e inspiração com a realização do Sarau "O Mar vai virar sertão", que homenageou o nordeste e o povo nordestino, celeiro de talentos em todas as áreas culturais.  A idealizadora do projeto, Lourdes Cará - com apoio de Galba de Oliveira - , considera importante a iniciativa por diversificar a literatura, levá-la aos quatro cantos, a todas as faixas etárias e classes sociais. Lourdes apresentou o projeto à  diretora da Divisão de Cultura, Mônica Trigo, que abraçou a iniciativa e a tornou política pública de cultura.

Saraus no Espaço Cultural, a casa da poesia em Ilha comprida

Com microfones abertos ao público para quem quiser mostrar sua arte, os saraus reúnem jovens como Ana Beatriz, 14 anos, - que declamou poesia de João Cabral de Melo Neto - até experientes poetas com Galba de Oliveira que presenteou o público com a poesia autoral "O Mar vai virar sertão". "Os saraus reúnem a população, colocam sentimentos para fora , revelam dons artísticos. Na Ilha tem muitas pessoas que escrevem muito bem e precisam desse espaço", destacou o escritor Xandy Novaski, que cantou "Apenas um rapaz latino americano", de Belchior.








 No palco, também a vice-prefeita Ligia Klimke declamou o poema "Traduzir-se", de Ferreira Gullar, Mônica Trigo, Ricardo e Anderson traduziram o auto de natal pernambucano "Morte e Vida Severina"; a poetisa Malu declamou o clássico Asa Branca; Geni cantou à capela a música "Súplica Cearense"; Elzo apresentou seu poema autoral sobre o Nordeste; Marli e Galba de Oliveira declamaram a poesia "O Mar vai virar sertão", Ana Rosa apresentou seu trabalho autoral e, ao final, o músico iguapense Neto Pio presentou a plateia com a canção "Retrato de Minha Vida", de Dominguinhos. O próximo Sarau ninguém pode faltar: será na segunda 24 de julho com o tema que aborda o amor: "Correio Elegante",


A noite de segunda 26/06 nos lembrou Adélia Prado, uma das mais importantes escritoras brasileiras. Em palestra no Espaço Cultural Plínio Marcos, em 2009, Adélia disse ao público: "A arte é dirigida para o coração. A arte é só sentimento e todo mundo entende sentimento. Tudo é a casa da poesia”. Na segunda 26/06 e em todas as segundas de saraus - será realizado um a cada mês- o Espaço Cultural se transforma na casa da poesia, tal qual afirmava a poetisa.


.
Comentários
0 Comentários
0 comentários to “Saraus no Espaço Cultural, a casa da poesia em Ilha comprida”

Postar um comentário


Seu comentário é sempre bem vindo!

Comente, opine, se expresse! este espaço é seu!

Comentário Anônimo, sem nome e email , não será publicado.

Se quiser fazer contato por email, utilize o Formulário para contato

Espero que tenha gostado do Site e que volte sempre!

in-article

Mobile

addthis

Curso de Manicure e Pedicure

Contato (13) 3821-6148

Manutenção de celulares - Técnico de Informática

20 Mega de Internet

20 Mega de Internet na Infovale

Clique na imagem

Empregos no Japão

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 

O Vale do Ribeira Copyright © 2011 | Design by: [ Camilo Aparecido Almeida ] | Movido a: [ Blogger ]