9 de março de 2017

Iguape participa da “Campanha Estadual Todos Juntos Contra a Dengue”.

,
Iguape participa da  “Campanha Estadual Todos Juntos  Contra  a  Dengue”.

A cidade de Iguape está participando da  “Campanha Estadual Todos Juntos  Contra  a  Dengue”. Uma iniciativa importante para conscientizar o cidadão sobre o combate ao Mosquito  Aedes , os sintomas, tratamento e monitoramento da doença.

Para a Coordenadora da Vigilância em Saúde, Lucineide Alves da Silva, um dos maiores problemas que os agentes comunitários encontram nas visitas aos moradores, é a receio em deixá-los entrar em suas residências. Muitos têm medo e outros acreditam que a casa já está limpa e sabem o suficiente para combater os possíveis focos do mosquito.








Atualmente são 43 agentes, incluindo 02 supervisores que, sempre uniformizados, fazem o trabalho de visita aos sábados, a partir das 9 da manhã, entregando panfletos , informativos  e passando orientações de medidas de controle preventivas que por vezes foge do conhecimento do cidadão, como por exemplo, o cuidado que se deve ter com a coletora (bandeja) de resíduo que recebe a água do degelo da geladeira. Ali, também é um recipiente para possível proliferação de mosquitos.

Um dos maiores problemas encontrados pelos agentes são casas de temporada que ficam vazias grande parte do ano, mas acumulam recipientes. Outro foco costumeiro na região são barcos, oficinas, ferro velho, terrenos baldios com lixos e inservíveis e os pontos reciclagem clandestinos a céu aberto.

Quando é localizado um possível Foco de Alto Risco, mas não há colaboração do proprietário, a pessoa recebe uma Notificação para que cuide do problema dentro do prazo determinado pela Vigilância Sanitária Municipal, caso o retorno dos agentes aconteça e o foco ainda existir, a vigilância abre um processo administrativo e encaminha o caso para avaliação do Departamento Jurídico.

Além dos agentes comunitários, a SUCEN (Superintendência de Controle de Endemias), atua realizando a Atividade de Bloqueio de Criadouros com o objetivo de eliminar o mosquito aplicando o larvicida em tipos de recipientes fixos de alto risco, como por exemplo, piscina,  vaso sanitário, ralo e outros, que não são passiveis de remoção e alteração, ou seja, sem a possibilidade de controle mecânico (que não se possa virar ou esvaziar). Esses locais geralmente são delimitados quando a Vigilância Epidemiológica é notificada com um caso de suspeita da doença. 

Esta ação tem a finalidade de diminuir a transmissibilidade, evitando novos casos de pessoas doentes.

A campanha vai até abril, podendo ser prorrogada. Esse ano, até a data de 13 de fevereiro, houveram 9 casos suspeitos e nenhum confirmado. Os próximos Bairros a serem visitados, dia 11 e 25 de março, são Centro, que está sendo finalizado, e Rocio.

Paciente com febre, usualmente de 2 a 7 dias, acompanhada de pelo menos dois dos seguintes sintomas : náuseas, exantema, mialgia, artralgia, cefaléia e dor retro-orbital , deverá procurar o Serviço de Saúde para receber o atendimento assistencial  adequado e as orientações conforme é recomendado pelo Ministério da Saúde. 

É importante que o doente diagnosticado fique em casa durante o período de transmissibilidade que inicia desde o 1° dia antes do aparecimento da febre até o 6° dia da doença.


Comentários
0 Comentários
0 comentários to “Iguape participa da “Campanha Estadual Todos Juntos Contra a Dengue”.”

Postar um comentário


Seu comentário é sempre bem vindo!

Comente, opine, se expresse! este espaço é seu!

Comentário Anônimo, sem nome e email , não será publicado.

Se quiser fazer contato por email, utilize o Formulário para contato

Espero que tenha gostado do Site e que volte sempre!

Mobile

addthis

Contato (13) 3821-6148

Manutenção de celulares - Técnico de Informática

20 Mega de Internet

20 Mega de Internet na Infovale

Empregos no Japão

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 

O Vale do Ribeira Copyright © 2011 | Design by: [ Camilo Aparecido Almeida ] | Movido a: [ Blogger ]