Receba Grátis Noticias do Vale do Ribeira.
18 de janeiro de 2017

Ilha Verão 2017 prossegue com shows de Luan Santana; Tributo a Charlie Brown e Juliano e Marcos Lima na Praia do Boqueirão Norte

,


Ilha Comprida – Após os sucessos dos shows de Anitta, Matogrosso & Mathias, Aline Rosa  e outros, o Ilha Verão 2017 prossegue nesta sexta20/01 com show de Luan Santana; no sábado 21/01, show Tributo a Charlie Brown e, no domingo 22/01, show com Juliano e Marcos Lima.  O Ilha Verão prossegue até o 18 de fevereiro com shows na Praia do Boqueirão Norte, dos quais, Paralamas do Sucesso, Planta e Raiz, radarquatro  e outros grupos e cantores.  
Gratuitos, os shows serão realizados  aos domingos, às 22 horas, e aos sábados, às 23 horas. 

Acompanhe a programação:









Janeiro 

Dia 20- Luan Santana – 23h 
Dia 21 – Tributo a Charlie Brown– 23h 
Dia 22 – Juliano e Marcos Lima– 22h 
Dia 27- Radarquatro -23h 
Dia 28 – Bom Gosto– 23h 
Dia 29 – Brunna Karla ( gospel) – 22 h

Fevereiro 
Dia 3 – Conexão Litoral - 23h
Dia 4 – Os Paralamas do Sucesso - 23h
Dia 5 – Davidson Silva – 22 h
Dia 10 – Tributo a Legião urbana- 23h
Dia 11 – Matheus e Kauan- 23h
Dia 12 – Circuladô de Fulô - 22h
Dia 17 – Planta e Raiz - 23h
Dia 18 – Banda San Marco – 23horas

 DE 65 PRÊMIOS
2016
• Em votação: Melhor Cantor (Melhores do ano) e Música do Ano - Eu, você, o mar e ela
• Melhor Cantor nacional - Capricho Awards
• Melhor Artista Sertanejo - Capricho Awards
• Melhor Videoclipe Nacional - Capricho Awards
• Melhor Videoclipe TVZ "Eu, você, o mar e ela" - Prêmio Multishow
• Melhor Cantor - Prêmio Multishow
• Cantor Favorito - Meus Prêmios Nick
• Melhor Cantor - Prêmio Jovem Brasileiro
• Tour do ano - Prêmio Febre Teen
• Melhor Cantor - Troféu Internet
• Melhor Cantor - Troféu Imprensa
quando a história do cantor Luan Santana começou, é tarefa difícil. Nascido 13 de março de 1991, já aos três anos na sua cidade natal, Campo Grande – MS, ele chamava atenção de toda a família com os acordes afinados das músicas sertanejas que não parava de cantar. Clássicos como "Muda de vida"; "Chico Mineiro" e "Cabocla Tereza" eram interpretados por Luan, sem nenhum erro na letra ou no timbre. Percebendo o seu talento, o pai deu de presente um violão, para incentivar ainda mais o pequeno cantor. A partir desse momento, as apresentações ganharam uma atração a mais, Luan cantava e ‘tentava’ dedilhar algumas notas musicais no instrumento, que se tornou inseparável a partir daí.


1977’, ano da criação do Dia Internacional da Mulher pela ONU, batiza o mais novo trabalho de Luan Santana, por razões que a proposta da vez já explica. Basta dizer que Luan agora divide a voz com grandes ícones femininos da música brasileira, um tributo ao sexo nada frágil, por meio de algumas das vozes mais aclamadas deste país, a saber: Ivete Sangalo, Sandy, Marília Mendonça, Anitta, Ana Carolina e a atriz Camila Queiroz. Donas de distintos estilos musicais e arte, elas formam um time capaz de mapear a rica diversidade da música brasileira.
Exibido em 70 salas de 37 cidades, 1977

de rosas e rosas exalam desta sua voz abençoada. Abençoada seja a sua nobre presença neste revolucionando o mercado, quebrando tabus, abrindo fronteiras. Compositora nata, canta verdades que atingem com a mesma força que o seu sucesso arrebatador


Precisar quando a história do cantor Luan Santana começou, é tarefa difícil. Nascido 13 de março de 1991, já aos três anos na sua cidade natal, Campo Grande – MS, ele chamava atenção de toda a família com os acordes afinados das músicas sertanejas que não parava de cantar. Clássicos como "Muda de vida"; "Chico Mineiro" e "Cabocla Tereza" eram interpretados por Luan, sem nenhum erro na letra ou no timbre. Percebendo o seu talento, o pai deu de presente um violão, para incentivar ainda mais o pequeno cantor. A partir desse momento, as apresentações ganharam uma atração a mais, Luan cantava e ‘tentava’ dedilhar algumas notas musicais no instrumento, que se tornou inseparável a partir daí.

Com a insistência de amigos e familiares, aos 14 anos, Luan Santana faz uma festa onde realizou sua primeira gravação. O local escolhido foi a cidade de Jaraguari (MS), cidade natal dos seus pais e vizinha a Campo Grande. A principal música do repertório escolhido para aquele dia era ‘Falando Serio’, que até então, inédita e carro chefe nas suas apresentações.

Com um gravador amador, Luan Santana fez seu show, que foi registrado como o primeiro CD. Mas ele não aprovou o resultado final, e acabou quebrando o CD por não ter gostado da qualidade do som. Já um amigo, ficou com uma cópia e acabou colocando no Youtube, o que rapidamente acabou se espalhando e sendo aprovado pelo público que começou a pedir a música nas rádios de Mato Grosso do Sul, Goiás, Rondônia e Paraná.

Mas foi no dia 11 de agosto de 2007, na pequena cidade de Bela Vista (MS), que Luan Santana subiu ao palco pela primeira vez. Na época, Luan não cantava profissionalmente, nunca havia gravado sequer uma música em estúdio, mas foi contratado para este show devido o sucesso que ele fazia nas rádios da região com a música ‘Falando Sério’.

A partir daí, a agenda de Luan começou a ser dividida entre os estudos e os shows que começaram a ser marcados. Com agenda lotada de shows durante todo o ano de 2008, Luan Santana não podia parar para entrar em estúdio e gravar o segundo CD, então ele decidiu que o trabalho seria ao vivo e gravado em diversas cidades do Brasil por onde apresentava seu show.

O verão de 2009 começa com a explosão do jovem cantor, Luan que quebra todos os recordes de público pelas cidades onde se apresenta conquistando cada vez mais fãs e seguidores por onde passa.

Com o sucesso das músicas deste segundo CD, em agosto ele foi convidado a participar da "Festa do Peão de Barretos" e se apresentou para um público de 50 mil pessoas, que cantam junto com ele seus principais sucessos. Luan recebeu destaque da mídia especializada de Barretos que o consideraram um dos maiores exemplos de "fenômeno da música sertaneja" e afirmaram que ele despontaria para o sucesso com certeza a partir dali.
Naquele ano de 2009 a agenda de Luan Santana fechou com a marca de 300 shows realizados pelo Brasil, com média de 25 apresentações por mês, provando que a mídia especializada estava certa. Luan Santana era mesmo o maior exemplo de fenômeno da música sertaneja.

Curiosidades / Inspiração
Aos 12 anos, Luan recebeu seu primeiro cachê, R$ 50,00. Após mais velho e já com sucesso no Brasil inteiro, Luan teve conhecimento que o dinheiro pago pelo organizador do evento beneficente, na verdade foi pré acordado com o seu pai Amarildo Santana, que entregou o dinheiro ao amigo e organizador para incentivar a carreira do filho.

Desde muito pequeno, Luan já ouvia e cantava as músicas da dupla Zezé Di Camargo e Luciano, Trio Parada Dura e de outros sertanejos das antigas. Os anos se passaram, mas o gosto musical não mudou. "Por isso, não acredito que a música sertaneja seja moda. Para mim, é um estilo que as pessoas gostam desde muito cedo" diz Luan Santana.

Embora existam vídeos de Luan empunhando o violão já aos três, foi na virada dos 12 para os 13 anos que ele se destacou nos shows de talento da escola onde estudava, em Maringá (PR). Unindo pop rock e sertanejo desde pequeno, foi escolhido o melhor cantando uma balada pós-grunge da banda americana Creed ("One Last Breath") e a também chorosa "Pra Mudar A Minha Vida", de Zezé di Camargo & Luciano.

E não é só esse estilo que ele ouve, não. "Minha principal influência é a música sertaneja, mas escuto outras coisas. Na minha playlist, por exemplo, tenho músicas de Taylor Swift, Avicii, David Guetta, Bruno Mars, Ed Sheeran, Coldplay, Nickelback e outros".

Luan Santana também é compositor. "Geralmente faço as músicas em cima de situações que acontecem comigo ou com amigos meus. Por exemplo, a música Chocolate eu fiz depois que recebi uma carta de uma fã em que ela se declarava. Mas, em vez de escrever, ela colava o papel dos bombons como, por exemplo, você é o meu... e colou o papel do sonho de valsa".

NOVO DVD 1977

‘1977’, ano da criação do Dia Internacional da Mulher pela ONU, batiza o mais novo trabalho de Luan Santana, por razões que a proposta da vez já explica. Basta dizer que Luan agora divide a voz com grandes ícones femininos da música brasileira, um tributo ao sexo nada frágil, por meio de algumas das vozes mais aclamadas deste país, a saber: Ivete Sangalo, Sandy, Marília Mendonça, Anitta, Ana Carolina e a atriz Camila Queiroz. Donas de distintos estilos musicais e arte, elas formam um time capaz de mapear a rica diversidade da música brasileira.

Exibido em 70 salas de 37 cidades, 1977 reuniu mais de 8 mil pessoas nos cinemas do Brasil durante a noite do dia 08 de novembro.

A Premiere aconteceu em São Paulo. Repleta de convidados, imprensa e amigos do artista.

O painel formado pelas cantoras convidadas promete conduzir o ouvinte/espectador por ricos meandros musicais. Cada voz uma sentença:
Anitta, menina mulher, poderosa, seu sorriso largo e verdadeiro é uma porta para o mundo , que te espera de braços abertos. E eu aqui te espero para este projeto do qual vc é "cúmplice" desde o começo.

Sandy, singela como o nome, talentosa e musa. Do sonho de criança, de um fã, à realidade de um admirador, que tb concretiza a vontade de unir vozes a quem tanto me despertou para esta arte.

Ana Carolina, sua voz é um poema, uma oração que acalenta. Que perfeição! Porque eu gosto é de rosas e rosas exalam desta sua voz abençoada. Abençoada seja a sua nobre presença neste projeto. E que honra unir a minha voz a sua para gerar este trabalho.

Marilia Mendonça, Que força é essa que vem do Centro Oeste? Com apenas 20 anos, revolucionando o mercado, quebrando tabus, abrindo fronteiras. Compositora nata, canta verdades que atingem com a mesma força que o seu sucesso arrebatador.

Camila, seu olhar cheio de interrogação ao receber o convite só me fez constatar o que eu sentia. Todas as exclamações positivas em ter a sua doçura, serenidade e talento neste DVD. Solte esta voz linda porque a sorte é minha em mostrar esta tua faceta.

Ivete, nossa terceira vez juntos. Dividir palco e cenas com vc, na vida e na arte, é um privilégio. É sempre uma sensação de primeira vez, pq vc não se repete. Vc recria, cria e traz a magia que do Nordeste faz brotar tanta semente fértil. Talentosa, sua voz vem da alma.

Ao que Luan arremata: "Mulheres, para vocês, o meu mais sincero aplauso"

FÃ CLUBE + INTERNET

• 5 mil fã clubes no Brasil.
• É o cantor brasileiro mais seguido nas redes sociais.
• Mais de 40 milhões de seguidores.

INFORMAÇÕES
• 150 milhões de visualizações no vídeo "TUDO QUE VOCÊ QUISER" no Youtube. Título de vídeo nacional mais acessado por brasileiros na primeira DÉCADA do Youtube.

• Escreve aí, vídeo mais visualizado de 2015, música mais buscada no Google em 2015 e mais executada nas rádios. (Hoje com mais de 125 mihões de views no Youtube).

• Eu, Você, o Mar e Ela contou com meio milhão de acessos somente na primeira hora de lançamento e 80 milhões de views em menos de 6 meses.
• A música "Fantasma", parceria com Marília Mendonça, ultrapassa os 10 milhões de acessos em 20 dias no Youtube.

• Luan Santana é o brasileiro que mais entrou no ranking Social 50 da Billboard Americana. O feito coloca o astro sertanejo como um dos mais procutados do mundo nas redes sociais. • Segundo o Jornal O Globo, Luan Santana é o cantor nacional (masculino) mais influente nas redes sociais.

• É uma das 30 celebridades mais influentes do país segundo a revista Forbes Brasil em 2013 e 2014.

• De acordo com a Revista Forbes Brasil (Anos 14/15/16), Luan Santana é o cantor brasileiro mais seguido nas redes sociais.

• Esteve entre as principais tendências do mundo, estas, publicadas pelo site Facebook. De acordo com o levantamento, é o único artista brasileiro que aparece na lista dos dez cantores mais tocados na rede social durante o ano.
Ilha Verão 2017 prossegue com shows de Luan Santana; Tributo a Charlie Brown e Juliano e Marcos Lima na Praia do Boqueirão Norte

A Banda NICE TRIP, formada por Luiz Araújo (Chorinho) nos vocais, Tiago Adorno na guitarra, Beto Braz no contrabaixo e Rafael Adorno na bateria, traz uma apresentação em Homenagem ao Charlie Brown Jr!

Banda que o vocalista Luiz Araújo acompanhou durante muitos anos como fã até se tornar amigo da banda, tendo a oportunidade de se apresentar por duas vezes com o Charlie Brown Jr, no palco, a convite do próprio Chorão!

            Tudo começou num brincadeira, no dia 27 de Julho de 2009. Numa festa entre amigos no qual estava Juliano, Marcos Lima e Kleberson (Branco Billy). E posteriormente pelo convite de Marquinho Lima para que formássemos uma dupla sertaneja, e resolveram acreditar que desse certo, “e deu”.

            A partir daí foram aparecendo vários convites para trabalhos em festas, confraternizações, bares, casamentos, e diversos outros lugares. Daí por diante, as coisas começaram a ficar serias.

            Por muitas vezes devidos aos convites em grandes festas tipo rodeio, casas de shows, festas agropecuárias, aniversários de cidades, houve a necessidade de se ter uma banda e não tínhamos, éramos obrigado a contratar uma banda para nos acompanhar da cidade de Sorocaba, onde no final o custo ficava muito caro, sendo até maior que o cachê do dia.

            E fomos assim batalhando correndo atrás, viajando por esse mundo, até que por fim no começo de Janeiro de 2010 viemos a conhecer músicos maravilhosos da região do vale do ribeira, da região do qual residimos, que resolveram definitivamente acreditar nesse sonho que passou a ser uma realidade da dupla e da banda.

            Com isso o entrosamento da dupla com a banda vem crescendo a cada dia que se passa. E temos muita fé em Deus que vamos conquistar o nosso espaço.

Ilha Verão 2017 prossegue com shows de Luan Santana; Tributo a Charlie Brown e Juliano e Marcos Lima na Praia do Boqueirão Norte


            Hoje a dupla Juliano & Marcos Lima tem a seguinte formação, Juliano sendo a primeira voz e também violão, Marcos Lima, segunda voz, viola caipira, violão e sanfona, e nossa banda Clebert Juliano, tecladista, Branco Billy, violão solo, Robson Ferrugem, contrabaixo, Oreil Junior, baterista.

            E hoje estamos ai na estrada, já trabalhando nossas músicas próprias, e fazer o melhor do sertanejo universitário, batidão sertanejo, modão de viola, e muito mais.

            Contamos com a ajuda de todos para que nosso trabalho cresça a cada dia.



****** Reconhecida pelo talento de seus músicos, e aclamada pelo seu repertorio variado, a duplo Juliano & Marcos Lima, tem a capacidade de satisfazer grupos distintos, sempre atentando para o mix das épocas e ritmos diferentes. O que garante sucesso absoluto nos vários shows que a banda costuma realizar.




Comentários
0 Comentários
0 comentários to “Ilha Verão 2017 prossegue com shows de Luan Santana; Tributo a Charlie Brown e Juliano e Marcos Lima na Praia do Boqueirão Norte”

Postar um comentário


Seu comentário é sempre bem vindo!

Comente, opine, se expresse! este espaço é seu!

Comentário Anônimo, sem nome e email , não será publicado.

Se quiser fazer contato por email, utilize o Formulário para contato

Espero que tenha gostado do Site e que volte sempre!

Feibanana

Feibanana 2017

Contato (13) 3821-6148

Manutenção de celulares - Técnico de Informática

20 Mega de Internet

20 Mega de Internet na Infovale
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 

Site Registro-SP

Site Registro-SP
Cotação da Banana
Cotação da Banana
20 a 27 de março

WhatsApp do Site

WhatsApp do Site
Google+
Autor
Facebook
Recomende-nos no Google

APP Notícias do Site

APP Notícias do Site

TV Ilha Comprida

TV Ilha Comprida
DMCA

Eventos Acer (RBBC)

Eventos Acer (RBBC)

Quadrinhos Registro da Colônia Japonesa

Quadrinhos Registro da Colônia Japonesa

Receitas do Vale

Receitas do Vale

pagead

O Vale do Ribeira Copyright © 2011 | Design by: [ Camilo Aparecido Almeida ] | Movido a: [ Blogger ]