7 de dezembro de 2016

“Não aceitaremos subtrair os direitos dos aposentados e dos atuais contribuintes”, diz deputado

,
“Não aceitaremos subtrair os direitos dos aposentados e dos atuais contribuintes”, diz deputado


O deputado federal Roberto de Lucena (PV-SP), que também é vice-presidente nacional da União Geral dos Trabalhadores (UGT) e presidente da Comissão de Defesa dos Direitos da Pessoa Idosa (CIDOSO) da Câmara dos Deputados, criticou a proposta de Reforma da Previdência (PEC 287/16) enviada, hoje (6), ao Congresso Nacional. 

O parlamentar entende que a Reforma da Previdência é necessária e precisa ser feita logo, mas não de forma açodada e sem ouvir todos os segmentos da sociedade. “Esta reforma praticamente não foi discutida com ninguém. Vamos dar voz à sociedade e fazer o dever de casa que deveria ter sido feito pelo Governo. Não votaremos nada que venha subtrair os direitos dos aposentados, dos pensionistas, e dos atuais contribuintes”, defende Roberto de Lucena. 









Fixar a idade mínima de aposentadoria aos 65 anos de idade, na avaliação do deputado paulista, deve valer para quem entrar no sistema a partir deste momento e não para aqueles que já contribuem. Além disso, ele defende que os recursos da Previdência Rural sejam realocados da assistência social e não da Previdência em si.

Antes de fazer a reforma, Roberto de Lucena diz que existem algumas etapas a serem vencidas para equilibrar o caixa da Previdência. “Primeiro, a Previdência deve cobrar dos grandes devedores, que são fortes grupos econômicos, e devem volumes vultuosos”, afirma o parlamentar, apontando que essa cobrança poderia ser terceirizada, pois os bancos privados possuem maior capacidade tecnológica e velocidade. Outra opção é vender a dívida em forma de precatórios. 

A venda de imóveis ociosos da Previdência também é defendido por Lucena. “Nós temos um grande potencial de recursos que podem ser aportados à Previdência a partir da venda de imóveis ociosos”, ressalta.


Por fim, o deputado defende a revisão das desonerações. “É absolutamente importante que se rediscuta esse tema, pois o benefício tem sido dado a muitas empresas sem haver uma contrapartida, deixando de arrecadar milhões em impostos para o Governo”, esclarece Lucena.
Comentários
0 Comentários
0 comentários to ““Não aceitaremos subtrair os direitos dos aposentados e dos atuais contribuintes”, diz deputado”

Postar um comentário


Seu comentário é sempre bem vindo!

Comente, opine, se expresse! este espaço é seu!

Comentário Anônimo, sem nome e email , não será publicado.

Se quiser fazer contato por email, utilize o Formulário para contato

Espero que tenha gostado do Site e que volte sempre!

addthis

Contato (13) 3821-6148

Manutenção de celulares - Técnico de Informática

20 Mega de Internet

20 Mega de Internet na Infovale

Empregos no Japão

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 
Google+

Site Registro-SP

Site Registro-SP
Cotação da Banana
Cotação da Banana
22 a 29 de maio

WhatsApp do Site

WhatsApp do Site
Autor
Facebook
Recomende-nos no Google

APP Notícias do Site

APP Notícias do Site

TV Ilha Comprida

TV Ilha Comprida

Receitas do Vale

Receitas do Vale

Sites Oficiais


Eventos Acer (RBBC)

Eventos Acer (RBBC)

Quadrinhos Registro da Colônia Japonesa

Quadrinhos Registro da Colônia Japonesa

O Vale do Ribeira Copyright © 2011 | Design by: [ Camilo Aparecido Almeida ] | Movido a: [ Blogger ]