2 de agosto de 2016

Ser empreendedor é acreditar naquilo que se faz

,
Ser empreendedor é acreditar naquilo que se faz

Bruno Assunção

Quando falamos de Empreendedorismo, abrangemos 1/3 da população adulta brasileira. Sabendo que uma boa parcela das pequenas e micro empresas não sobrevivem aos primeiros anos, como economista e simpatizante do tema, me comprometo em simplificar este assunto. Se você quer empreender ou já tem o próprio negócio, este texto é pra você.

Para falar desta atividade econômica, primeiramente é preciso entender o contexto econômico. De fato, o Brasil vive incertezas políticas, não possui um dos melhores cenários do mundo para empreender e a economia do país, no geral, está com baixo nível de atividade. Além disso, possuímos uma das maiores taxas básicas de juros, isso significa que o financiamento, como fonte de recurso para o seu negócio, fica mais caro. Há ainda uma enorme burocracia, mesmo com a existência do SIMPLES, que é uma tentativa (efetiva, no meu ponto de vista) de agilizar o processo de abrir uma empresa e visa incentivar a prática empreendedora, diminuindo os impostos para as MPE’s (Micros e Pequenas Empresas).

O parágrafo anterior poderia ser um prato cheio para desanimar um futuro empresário, mas jamais desanimaria um empreendedor. Afinal, ser empresário é simplesmente ser dono de uma empresa. Mas, ser empreendedor é acreditar naquilo que faz, é colocar amor diariamente nas pessoas, processo e produto. É ter prazer em inovar, melhorar e cautelosamente crescer. É acordar todo o dia pronto para novos clientes, agarrar oportunidades e saber que quanto mais você trabalha, mais perto do mapa da mina você está. Por isso, eu tenho certeza que nem todo empresário é empreendedor. O empresário que não é empreendedor procura obstáculos e desculpas diárias para se esconder e explicar os motivos da sua empresa estar estagnada.

Embora o contexto econômico seja um revés, segundo o “Global Entrepreneurship Monitor”, estima-se que 45 milhões de indivíduos no Brasil têm a própria empresa e há muitas empresas abrindo e crescendo. Mas existem, também, empresas fechando. Para o próximo texto, vou garantir que os principais motivos do fracasso das MPE’s não é o cenário econômico. Vou me basear em pessoas, processo e produto. Lembre-se, não ser apenas um empresário já aumentará muito suas chances de sucesso.    

Bruno Assunção é cofundador do Grupo de Estudos em Conjuntura, Finanças e Empreendedorismo da Faculdade de Ciências e Letras da Unesp de Araraquara.
Comentários
0 Comentários
0 comentários to “Ser empreendedor é acreditar naquilo que se faz”

Postar um comentário


Seu comentário é sempre bem vindo!

Comente, opine, se expresse! este espaço é seu!

Comentário Anônimo, sem nome e email , não será publicado.

Se quiser fazer contato por email, utilize o Formulário para contato

Espero que tenha gostado do Site e que volte sempre!

in-article

Mobile

addthis

Curso de Manicure e Pedicure

Contato (13) 3821-6148

Manutenção de celulares - Técnico de Informática

20 Mega de Internet

20 Mega de Internet na Infovale

Clique na imagem

Empregos no Japão

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 

O Vale do Ribeira Copyright © 2011 | Design by: [ Camilo Aparecido Almeida ] | Movido a: [ Blogger ]