24 de março de 2016

Cia Talagadá apresenta o espetáculo "Cabeça Oca" em Registro-SP

,
 Cia Talagadá apresenta o espetáculo "Cabeça Oca" em Registro-SP

A Cia Talagadá - Teatro de Formas Animadas apresenta o espetáculo "Cabeça Oca" nos dias 15 e 16 de abril no Teatro Wilma Bertelli, sendo no dia 15 as 21h00 e no dia 16 as 16h00 em Registro-SP. 

A entrada é totalmente gratuita e os ingressos começarão a ser distribuídos meia hora antes.

A Cia Talagadá - Teatro de Formas Animadas e o espetáculo "Cabeça Oca" foi agraciado com o prêmio PROAC - Circulação de espetáculos pelo estado de São Paulo, e uma das cidades onde o espetáculo irá se apresentar é em Registro-SP.

 Cia Talagadá apresenta o espetáculo "Cabeça Oca" em Registro-SP

A Cia Talagadá, na construção desse projeto, se propôs a um novo desafio artístico: saciar o ímpeto político de denunciar atitudes as quais acham-se contrárias ao desenvolvimento humano, e ao mesmo, tempo transcender sua capacidade criativa através de poéticas visuais e do teatro de formas animadas, proporcionando, de fato, uma comunhão entre público e espectador e não apenas um projeto que satisfaça uma das partes, seja o entretenimento ou a doutrina de um pensamento estético e filosófico. 

A partir daí, todo o processo criativo se deu por meio de pesquisas e discussões sobre a temática a abordar, como também a pratica que proporcionaria maior prazer enquanto atores-criadores. 

Dentre os assuntos tratados, as imagens idealizadas e os recursos técnicos que poderiam ser utilizados, percebeu-se que o existencialismo era algo recorrente nos diálogos. 

Tal fato pôde ser justificado pelo momento no qual os integrantes da companhia têm demonstrado a necessidade em falar de si, do impacto com o mundo a sua volta, no qual percebe-se o poder e a influência que a mídia tem em sua rotina, fazendo acreditar que, como difusora de um neoliberalismo mascarado, promove a competição, a corrupção, a desigualdade social e sexual, a intolerância e o desrespeito, a violência gratuita, enfim, a alienação. 

 Proposta de dramaturgia 

Optou-se por um trabalho não verbal. Sem a necessidade de texto, foi concebido por elementos híbridos, ao mesmo tempo teatro e artes visuais numa dramaturgia de ação, a qual não conta uma história linear e racional pois cada cena tem um roteiro de ação próprio. 

No entanto, a relação entre todos os elementos do espetáculo, ações e imagens culminam para um conflito e seu desfecho, cuja compreensão e entendimento, uma vez estimulado as sensações e emoção do espectador, interpreta a seu modo. 

Proposta da encenação 

São utilizadas diferentes técnicas do Teatro de Formas Animadas: Bonecos de manipulação direta, imagens, objetos e máscaras, além de outros recursos, como a inserção de vídeo em uma das cenas. 

Nessa linguagem, apesar da função do ator ser praticamente anulada, optou-se por utilizar de personagens, cuja construção se deu por meio da utilização de máscaras como mais um elemento dramático e pictórico, assim como o figurino, trilha sonora e sonoplastia na construção das ações e imagens que, mesmo não havendo texto algum, dialoga e interfere diretamente nas cenas, que em alguns momentos chega a ser quase que performático. 

 Figurino, adereços e bonecos 

Os bonecos e máscaras foram confeccionados em sua maioria em espuma e papel marche coberto por tecido, o qual favorece um resultado interessante de textura e plasticidade, buscando obter a sensação de pele e orgânico. 

Tal aparência e acabamento não revelam detalhes, mas sugerem sentimento e expressões distorcidas, fortemente inspiradas em imagens de estética expressionista. Já, as vestimentas foram confeccionadas a partir da sua funcionalidade nos gestos e movimentos de cada cena e personagem, sem agregar metáforas ou informações, porém que se tornasse algo atemporal. 

Música e sonoplastia 

A trilha sonora foi composta durante o processo de criação e finalização das cenas pelo músico e compositor Luis Giovelli, pois no Teatro de Formas Animadas ela está diretamente ligada à ação e aos movimentos dos bonecos e não atua apenas de forma incidental, desde o início da criação do espetáculo, a trilha sonora foi de total importância, ditando, em alguns momentos, até mesmo no desfecho das ações. Além da trilha, foram agregadas sonoplastias pelo sonoplasta João Vitor Ferian, responsável juntamente com o compositor pela criação de ambientes e pela transição das cenas de tal maneira que o recurso sonoro seja mais um elemento a auxiliar o espectador a sentir e interpretar as imagens criadas, como numa grande instalação. 

SINOPSE 

Destinado ao público adulto, “Cabeça Oca” é uma metáfora às atitudes desprovidas de razão. Trata-se de um espetáculo híbrido, rico em plasticidade que, além de bonecos, utiliza-se de máscaras e vídeo. Por meio de poéticas visuais transita entre o real e o imaginário em cenas criadas independentemente, mas que dialogando entre si numa estética influenciada pelo surrealismo e outras vanguardas do século XX, nas quais, algumas das maiores adversidades nas relações humanas, tais como a opressão, violência, intolerância, preconceito e alienação são tratados de forma onírica e lúdica. Assim, o existencialismo é inevitável e, neste caso, se estabelece um paradoxo, pois, por meio de um boneco – objeto oco, busca-se resgatar justamente aquilo que o homem foi perdendo em sua existência – a essência. 

Comentários
0 Comentários
0 comentários to “ Cia Talagadá apresenta o espetáculo "Cabeça Oca" em Registro-SP ”

Postar um comentário


Seu comentário é sempre bem vindo!

Comente, opine, se expresse! este espaço é seu!

Comentário Anônimo, sem nome e email , não será publicado.

Se quiser fazer contato por email, utilize o Formulário para contato

Espero que tenha gostado do Site e que volte sempre!

in-article

Mobile

addthis

Consorcio na Valenautico

Técnico de Informática

Manutenção de celulares - Técnico de Informática

20 Mega de Internet

20 Mega de Internet na Infovale

Clique na imagem

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 

O Vale do Ribeira Copyright © 2011 | Design by: [ Camilo Aparecido Almeida ] | Movido a: [ Blogger ]